Ethernyt por Márson Alquati.

25/07/2011

Ethernyt por Márson Alquati.


Ficha Técnica.

Edição: 1
Editora: Giz Editoria
Autor: Márson Alquati
ISBN: 9788578550240
Ano: 2009
Número de páginas: 480
Classificação: 4 estrelas

Sinopse:                                                                                              

A contagem regressiva para o Fim dos Tempos já foi iniciada e não pode mais ser contida...
Quando o agente especial Rafael Thomas aceita o encargo de investigar a morte de um diplomata estrangeiro em solo brasileiro, ele não imagina no que está se metendo. Aos poucos, a verdade vai surgindo e ele descobre que por trás daquele crime encontra-se uma poderosa seita de fanáticos, cuja única pretensão é valer-se de uma antiga profecia apocalíptica para deflagrarem o Armagedon Bíblico.

Começa então, uma incrível caçada pelos quatro cantos do globo, onde Thomas e os Escolhidos acabam envolvendo-se com sociedades secretas milenares, rituais macabros, mistérios e enigmas, assassinatos, perseguições, tiroteios e batalhas épicas de tirarem o fôlego. Até deparar-se com uma terrível revelação: Anjos e Demônios existem, são reais e estão prestes a destruírem a Terra na batalha definitiva entre o Bem e o Mal.

Muita ação, suspense e aventura em uma história repleta de temas polêmicos, que vão desde a origem da Raça Humana, os grandes mistérios da antiguidade e o advento das religiões, até a existência de vida extraterrestre, culminando em uma visão sombria sobre o destino da humanidade...

Resenha:

O quarto livro que recebi do booktour Selo Brasileiro tem como chamado um tema que sempre me prende a atenção e pelo qual eu tenho bastante curiosidade: a eterna batalha entre o Bem e o Mal e, o fim do mundo. Acho curiosa a “obsessão” do ser humano em querer acabar com o mundo, quando na maioria das vezes é bem mais simples mudar as próprias atitudes e tentar fazer um mundo melhor.

O enredo é bem trabalhando, com personagens fortes que chamam a atenção do leitor desde as primeiras páginas. Um ponto que vale apena destacar é que a história não é ambientada em um único lugar, mas sim em vários lugares do mundo tornando a Ethernyt um livro com várias reviravoltas. A parte ruim disso que é as coisas acontece rápido demais, deixando a sensação que esta faltando alguma coisa, um detalhe a mais.

O autor soube trabalhar muito bem o tema Anjos e Demônios, dando a esta temática tão batida na literatura atual uma cara nova, que cá entre nós estamos precisando. Eu diria que a linguagem que o Márson Alquati usou lembra em muito os livros do Dan Brown, uma mistura de crenças religiosas, enigmas e sociedades secretas.

Normalmente em livros assim eu nunca me prendo a um personagem já que o que realmente me prende a livro é o enredo, mas em Ethernyt o agente Rafael me cativou bastante, como eu disse no começo da resenha os personagens são bem estruturados e conquistam o leitor, mas se eu que tiver que escolher um favorito ele seria o Rafael.

Acho que a única coisa em que o autor pecou foi tentar misturar muita coisa na história, chega a um ponto do livro que as coisas começam a ficar um tanto enroladas e a leitura se torna difícil. É legal juntar várias teorias em um livro é; mas quem opta por esse tipo de enredo tem que tomar cuidado para não confundir o leitor e nem se perder na história que ele mesmo criou. 

A capa também não me chamou muito atenção, claro que dentro do conceito ela tem tudo haver com a história, mas acho que o livro realmente merece uma capa mais atrativa já que tirando os pontos negativos ele, é uma ótima leitura.

Fica a dica de um ótimo livro nacional, para quem busca uma história no melhor estilo Dan Brown.


Beijinhos!

Comentários via Facebook

9 comentários:

  1. Parabéns pela resenha Ane! Estou ansiosa para ler Ethernyt A Guerra dos Anjos. Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Oi Ane,

    Hmmm poisé é um tema muito complicado para se escrever, mas ta valendo por ser nacional. hehe
    Adorei a resenha e conhecer um pouco mais sobre os autores nacionais.

    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Não é fácil misturar vários elementos em um livro sem que eles confundam a cabeça de quem está lendo. É realmente complicado.

    Em geral, pela sua resenha, pude perceber que o livro é bem interessante, e que o autor de uma nova forma a temática que envolva seres demoníacos e angelicais. Realmente é algo que me chamou muito a atenção.

    É sempre bom conhecer novos autores nacionais, e com certeza vou querer ler esse livro.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  4. É um livro muito bom, mas realmente confunde um pouco ás vezes :/
    Concordo totalmente com a capa, ela deveria chamar mais a atenção para o livro ^^

    Beijos
    Marta
    [As Palavras Fugiram]

    ResponderExcluir
  5. oi Ane,

    não li esse livro ainda, mas fiquei curiosa pela sua resenha. Acho que seu eu ler vou gostar do livro. ^^
    vou anotar a dica.
    beijos.

    ResponderExcluir
  6. É mesmo flor, confesso que a capa não chamou a atenção e nem parece que fala sobre o bem e o mal, parece mais uma guerra medieval, algo assim!
    o.O
    Confesso que por enquanto estou um pouco cansada de livros sobre anjos e demônios.. uma coisa é enfocar em apenas um dos lados, outro é juntar os dois. Como li vários livros que retratam a luta entre os dois, estou dando um tempo pra essa temática...
    Mas gostei da resenha! Parabéns!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Maravilhosa resenha, Ane! Fico muito grato pela oportunidade de ter o meu trabalho divulgado em seu blog!
    Um forte abraço a todos!

    ResponderExcluir
  8. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  9. Confesso que esse livro não chama a minha atenção, acho que pelo fato de eu não gostar da capa :S Porém sua resenha ficou muito boa, adorei xD

    Beijos&beijos
    Book is life

    ResponderExcluir

My Dear Library • Todos os Direitos Reservados • Copyright © 2010 - 2017 • Powered by Blogger • Design por Ariane Reis • Desenvolvimento por