Café Literário – Rumo a 22ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo.

17/08/2012


Café Literário –  Rumo a 22ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo.
Bom dia leitores!

Estou contando as horas para finalmente ir a minha primeira Bienal do Livro.  ;D
Vocês devem imaginar a ansiedade que estou não é mesmo?

Infelizmente só vou poder ir um dia (amanhã), por que as aulas de minha pós-graduação são em sábado e só posso ter uma falta por mês.

Espero encontrar com muitas pessoas queridas por lá, e claro que vocês terão a cobertura completa aqui no blog e na fanpage.

Mas que tal a gente conhecer um pouquinho mais sobre a história da Bienal?

Confira!


Histórico:

A primeira Bienal Internacional do Livro de São Paulo aconteceu entre 15 e 30 de agosto de 1970, no Pavilhão da Bienal, no Ibirapuera, decorrência de um projeto que se iniciou na década de 1950. Nessa época, mais precisamente em 1951, com o intuito de introduzir no país a tradição européia das feiras de livros encontradas na França, na Alemanha e na Itália, a CBL promoveu a primeira Feira Popular do Livro, na Praça da República.

A experiência foi retomada em 1956 e deslocada para o Viaduto do Chá, ponto ainda mais central da capital paulista e de grande fluxo de pedestres. O projeto foi ganhando corpo e novos adeptos. Em 1961, em parceria com o Museu de Arte de São Paulo, foi promovida a primeira Bienal Internacional do Livro e das Artes Gráficas, evento que se repetiu em 1963 e 1965. Eles serviram de ensaio para a primeira Bienal Internacional do Livro bancada exclusivamente pela CBL, em 1970.

Em 1996, ela passou a ser realizada no Expo Center Norte, para abrigar um maior número de expositores e proporcionar um maior conforto ao público. Em razão do crescimento contínuo de público e expositores, em 2002, ela deixou o Center Norte e foi para o Centro de Exposições Imigrantes (com 45 mil metros quadrados de área), onde foi realizada até 2004.

A partir de 2006 a Bienal do Livro de São Paulo passa a ser organizada no Parque Anhembi, junto à Marginal Tietê.

Em 2008, na sua 20ª edição, a Bienal apresentou um projeto inédito no país: um livro colaborativo através da Internet, o Livro de Todos, que teve o primeiro capítulo escrito pelo renomado escritor Moacyr Scliar e editado pelo jornalista Almyr Gajardoni. O livro teve a colaboração de 173 internautas e o site do projeto foi visitado por 14.238 internautas. Com 18 capítulos, o livro foi publicado pela Imprensa Oficial do Estado de São Paulo com capa do desenhista Maurício de Sousa.

Em 2010, a Reed Exhibitions Alcantara Machado passou a ser a organizadora oficial da Bienal em parceria com a CBL. Nesse ano a CBL levou uma programação cultural intensa e diversificada atraindo 743 mil visitantes e ampliando o prestígio e importância à Bienal de São Paulo.

Esse ano, a previsão é trazer mais de 800 mil visitantes para a feira que terá uma programação cultural diferenciada que, como sempre, terá o objetivo de incentivar o gosto pelos livros e pela leitura.

Listinha já pronta, só falta arrumar a bolsa e preparar a máquina fotografica =D

Rumo a Bienal 2012!

bjus;***






ps: O resultado da promoção Festival Novo Conceito já saiu, confira no próprio rafflecopter (bastar logar nele). Agradeço a todos que participaram, e aguardem que tem um surper promoção chegando por aqui.

Comentários via Facebook

6 comentários:

  1. ei Ane,
    que seja ótima a sua primeira Bienal. Eu já fui em umas 3 e amooooo.
    Diverta-se muito. ^^

    beijos.

    ResponderExcluir
  2. Oiii Ane espero que vc se divirta mto é td tão lindo lá rsrsrs, pra nós que amamos livros lá é o paraíso, adorei seu post eu ainda não conhecia a história e adorei conhecer...

    BjOs!!!!

    ResponderExcluir
  3. Ir pela primeira vez na bienal é uma coisa incrível! Eu já fui lá este ano e gostei muito, espero que você se divirta bastante lá.
    Beijos.

    http://palavrasdeumlivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Eu moro em Campinas, mas nunca tive a oportunidade de ir... engraçado, aqui nessa cidade só tem caravana p/ Beauty Fair... imaginar uma pra Bienal é sonho rs.

    Mas aproveite bastante, queria eu poder estar no teu lugar ;)

    ResponderExcluir
  5. Nossa fico com remorso por não poder ter ido a bienal mas ano que vem vou concerteza.

    Bjs

    ResponderExcluir
  6. Poxa, uma pena que eu não fui à Bienal. :/

    Um beijo,
    Luara - Estante Vertical

    ResponderExcluir

My Dear Library • Todos os Direitos Reservados • Copyright © 2010 - 2017 • Powered by Blogger • Design por Ariane Reis • Desenvolvimento por