Café Literário – A Origem do Halloween.

25/10/2012



A Origem do Halloween.

Doces ou Travessuras? ;D
Tudo bem que o Halloween é uma festa que há algum tempo importamos para nossas terras brazucas, e não é para menos afinal nada mais divertido do que pelo menos uma vez por ano poder colocar aquela fantasia do seu personagem favorito, até por que nem todo mundo gosta de carnaval. (Tipo eu assim)

Filmes, séries e livros contribuíram muito para que o Halloween aos poucos fosse se popularizando aqui no Brasil e mesmo não sendo uma festa típica de nosso país hoje é bem fácil encontrar fantasias e objetos decorativos para comemorar a data. Até nós do Clube do Livro de Sorocaba, resolvemos entrar na brincadeira e no encontro desse sábado (27) vamos a caráter, isso mesmo essa que vos escreve vai de bruxinha.

Mas vocês sabem qual é a verdadeira origem do Halloween? Quem não sabia vai descobrir agora.

Introdução.

Halloween significa All Hallow´s Eve (Vigília de Todos os Santos) e é uma festa de origem celta. A origem do halloween remonta às tradições dos povos que habitaram a Gália e as ilhas da Grã-Bretanha entre os anos 600 a.C. e 800 d.C. Originalmente, o halloween não tinha relação com bruxas. Era o festival do festival de Samhain celebrado entre 30 de outubro e 2 de novembro no calendário celta da Irlanda e marcava o fim do verão (samhain significa literalmente "fim do verão"). A celebração do Halloween tem duas origens que no decorrer da História foram se misturando.

Origem Pagã.

A origem pagã tem a ver com a celebração celta chamada Samhain citado acima, que tinha como objetivo dar culto aos mortos. A invasão das Ilhas Britânicas pelos Romanos (46 A.C.) acabou mesclando a cultura latina com a celta, sendo que esta última acabou se extinguindo com o tempo. Em fins do século II, com a evangelização desses territórios, a religião dos Celtas, chamada druidismo, já tinha desaparecido na maioria das comunidades. Pouco se sabe sobre a religião dos druidas, pois não se escreveu nada sobre ela. Tudo era transmitido oralmente de geração para geração. Acredita-se que as festividades do Samhain eram celebradas muito entre os dias 5 e 7 de novembro, entre o equinócio de verão e o solstício de inverno. 

Essas festividades eram precedidas por uma série de festejos que duravam uma semana, e acabavam marcando o começo do ano novo celta. A "festa dos mortos" era uma das datas mais importantes para os celtas, pois celebrava o que para nós seriam "o céu e a terra". Para os celtas, o lugar dos mortos era um lugar de felicidade perfeita, onde não haveria fome nem dor. A festa era celebrada com ritos presididos pelos sacerdotes druidas, que atuavam como "médiuns" entre as pessoas e os seus antepassados. Dizia-se também que os espíritos dos mortos voltavam nessa data para visitar seus antigos lares e guiar os seus familiares rumo ao outro mundo.

Origem Católica.

Desde o século IV a Igreja da Síria consagrava um dia para festejar "Todos os Mártires". Três séculos mais tarde o Papa Bonifácio IV († 615) transformou um templo romano dedicado a todos os deuses (Panteão) num templo cristão e o dedicou a "Todos os Santos. A festa em honra de Todos os Santos foi inicialmente celebrada no dia 13 de maio, mas o Papa Gregório III († 741) mudou a data para 1º de novembro, que era o dia da dedicação da capela de Todos os Santos na Basílica de São Pedro, em Roma.

No ano de 840, o Papa Gregório IV ordenou que a festa de Todos os Santos fosse celebrada universalmente. Como uma festa grande, esta também ganhou a sua celebração vespertina, ou seja, na forma de vigília, que era prepara a no dia anterior (31 de outubro). Na tradução para o inglês, essa vigília era chamada All Hallow’s Eve (Vigília de Todos os Santos), passando depois pelas formas All Hallowed Eve e "All Hallow Een" até chegar à palavra atual "Halloween".

Bem, independente da sua origem a celebração do Halloween hoje tem muito pouco haver com a forma com que inicialmente ele era celebrado.  O Halloween se tornou uma mescla de tradições que se interagem e acabam se integrando a cultura do país no qual é inserido, como o Brasil.

Espero que vocês tenham gostado do post! E deixo aqui o meu convite para quem for de Sorocaba e região; “Venham para o Clube do Livro neste sábado!”, mas informações na fanpage do Vamos Ler um Livro!

bjus;***

Comentários via Facebook

12 comentários:

  1. gente que legal *u*
    eu sou mega fã dessa data sabe.
    babei na bruxinha no meio da postagem.

    ResponderExcluir
  2. Incrível como ao longo do tempo as histórias e tradições vão se mesclando até se tornarem uma coisa completamente nova e diferente. Eu adoro toda a história da origem do Halloween e acho uma pena que aqui no Brasil essa celebração não seja levada tão a sério; algumas pessoas usam como desculpa que essa tradição não tem nada a ver com o país: bobagem, pois o Brasil sempre foi uma nação muito aberta a novas tradições e culturas, desde o descobrimento.

    http://queridos-sapiens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi Ane, eu ia comentar isto, mesmo que os primórdios tenham se perdido, ainda há um pouco de tudo nos dias de hoje, e até nossa "cultuta" tem um pouco dessa influência.
    Adorei saber um pouco mais, parabéns pelo post.

    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Eu adoro saber a origem das datas especiais, porque nós passamos anos e anos comemorando e sem saber o real motivo, mas quando paramos para ler sobre a origem de tudo, nos surpreendemos e vemos como o tempo muda as coisas, aos poucos, mas drasticamente.

    Beijos, adorei o post. Tudo Tem Refrão

    ResponderExcluir
  5. This is Halloween <3 sempre faço festinha!!
    Bjs flor
    www.amodernpinup.com

    ResponderExcluir
  6. Então, minha mãe voltou a estudar e a professora mandou ela fazer um trabalho sobre o Hallowen, e adivinha quem fez pra ela? Eu! A partir daí aproveitei pra ler um pouquinho mais e saber sobre o tema. Queria muito que aqui fosse igual aos EUA, tipo "doces ou travessuras?", seria uma coisa muito legal, beijos!
    http://leituramagnifica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Eu nunca fui a uma festa de Hallowen, mas comemoro do meu jeito haha. Achei o post muito, muito interessante, eu adoro conhecer as origens das coisas e não me canso de ler sobre a origem do Hallowen ou ver documentários sobre isso.
    Beijos.

    http://palavrasdeumlivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Eu já tinha lido sobre a origem pagã mas gostei de conhecer a católica :) virou uma coisa completamente diferente né?
    Beijos
    Raiana - Território Pop

    ResponderExcluir
  9. Não gosto desta comemoração, o Brasil bem que poderia incorporar em suas datas comemorativas algo mais proveitoso. A data remete a comemoração de mortos, depois passa para a exaltação de bruxas, não vejo nada de proveitoso nisso tudo, para mim é como um culto a morte ou ao feitiço de modo disfarçado.

    ResponderExcluir
  10. Oi!
    Sempre acreditei que o Halloween tinha relação com bruxas, mas estava enganado.
    Adorei o post e a primeira imagem da bruxinha, muito fofa. *-*
    Abraço!

    "Palavras ao Vento..."
    www.leandro-de-lira.com

    ResponderExcluir
  11. Eu sou do tipo que odeia carnaval. Não tenho nada contra o Halloween, mais não gosto muito do significado. Se bem que, eu amo uma festa fantasia.

    ResponderExcluir

My Dear Library • Todos os Direitos Reservados • Copyright © 2010 - 2017 • Powered by Blogger • Design por Ariane Reis • Desenvolvimento por