Reticências ...

23/02/2015

| Arquivado em: Divagando.

...
Tudo aquilo que não tem coragem de falar em voz alta,
Mas que mata por dentro.
Toda falta que sente de as vezes ser vista,
As lágrimas que caem de seus olhos são silenciosas.

Sufoca ...

Enquanto sentada em seu mundo vazio,
Observa os fragmentos frágeis e brilhantes de sua alma.
Cada pedaço que se partiu,
Cada sonho,
Cada momento que teve que deixar para trás.
Não há como reconstruir o caos.
...


Tudo ao seu redor é vazio,
Tudo parece dançar com o silencio.
Enquanto caminha por esse espaço caótico se pergunta, - "qual o limite de arrependimento que um ser humano pode sentir antes de sucumbir a próprio desespero?"

É nesse instante que se dá conta que não sente mais nada ...
Nada que a prenda ao passado.
Nada que a espere no futuro.

Apenas o agora ...

Um de nossos maiores equívocos sempre foi se preocupar demais com o amanhã.
Quando na verdade ele é apenas um segundo.
O que separa seus pensamentos entre o antes e o depois.

Nossa essência é feita de lembranças e esperanças,
Mas precisa do agora para existir.
Somos apenas fragmentos de algo muito maior...

Que caminha no vazio reunindo nossos cacos, sem precisa dizer uma única palavra,
E ao mesmo tempo nos matando por dentro.

É o nosso desejo de acreditar que a Felicidade existe...
Sem  suposições ...
Sem reticências ...
...

imagem: Tumblr

texto escrito por: Ariane Reis.  ©  Todos os Direitos Reservados.

Comentários via Facebook

18 comentários:

  1. Acredito que o aqui e o agora é o que nos faz felizes. Não adianta pensar no futuro e nem no passado. Tem sérios problemas de ansiedade e tenho aprendido que o melhor a fazer [e me concentrar no que está acontecendo, sem administrar nenhuma expectativa.

    Parabéns pela poesia.
    Beijos.
    Tudo Tem Refrão

    ResponderExcluir
  2. Oi Ane!
    Gosto muito das suas poesias!
    Essa foi bem reflexiva e até um pouco melancólica...
    A questão do arrependimento me incomoda bastante, já que costumo me martirizar muito. Mas né, vamos trabalhando nisso. =P
    Beijos,

    Priscilla
    http://infinitasvidas.wordpress.com

    ResponderExcluir
  3. eu adorei este poema, ja estava com saudade de seus textos!
    sempre brilhante!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi,
    Adorei seu poema, ficou leve e verdadeiro.
    Adoro sua escrita!!

    Beijos,
    Juh
    http://umminutoumlivro.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Olá,
    Queria dizer que você escreve poesias muito bem, adorei a sua escrita, de vdd. Você dexiou em mim um momento de reflexão
    Beijos, Tabatha
    http://aproveiteolivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Que texto lindo, Ane! <3
    Me deixou em reflexão...

    beijo,
    Mi
    http://inteiramentediva.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oi Ane!
    Lindo texto e com certeza a felicidade existe!
    Parabéns!
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oi, Ari.

    Vi que tu tem Twitter... vou te seguir lá. Me segue também??? Fiz o meu agora e estou organizando as coisas ainda hehe.

    beijos

    http://mundo-restrito.blogspot.com.br

    https://twitter.com/rs_juliete

    ResponderExcluir
  9. Nossa Ane, que tocante. E profundo. Acho que todos nós temos momentos como esse, de pesar e reavaliar tudo. Adorei ;)

    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Gostei do texto Ane. Profundo, intenso, tocante...Beijo!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
  11. Oi Ari
    Seu texto é lindo. Gostei muito da forma como tratou a nossa alma, nossos sentimentos.
    Beijos

    Vidas em Preto e Branco 

    ResponderExcluir
  12. Oi, tudo joia?
    Lindo lindo, amei, isso resume a todos nós em certas ocasiões que vivemos;

    Beijos
    intoxicadosporlivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. Olá!

    Belas palavras, acredito que agora é o que importa. O amanhã só DEUS sabe...

    resenhaeoutrascoisas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Oie,
    gostei bastante do poema, lindo!!!

    bjos
    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  15. A gente às vezes tem essa mania de planejar sempre o futuro e esquece do agora.
    Curti muito o texto, são dessas postagens que eu gosto mais quando visito os blogs!

    Beijos, O Outro Lado da Raposa

    ResponderExcluir
  16. que lindo poema, adoro! AMO escrever <33 adorei o blog também! parabens pela escrita!

    http://www.jacknuit.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Oi! Adorei, muito lindo e poético. Você sempre se expressa muito bem! Realmente, nos fazemos mal demais nos preocupando excessivamente com o dia de amanhã e acabamos por não aproveitar o dia de hoje. Boa reflexão!
    beijos ♥
    nuclear--story.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  18. Que post mais amor. ♥ Você escreve muito bem, parabéns! Realmente temos mania de nos preocupar com o amanhã e o ontem. E acho que isso é normal, mas temos que tentar nos preocupar e viver apenas o "agora". Planejar o futuro sim, tirar uma lição do passado e lembrar de coisas boas é bom sim. Mas viver o agora é uma das melhores formas de sermos felizes. ^^

    Beijos,
    Carol
    www.pequenajornalista.com.br

    ResponderExcluir

My Dear Library • Todos os Direitos Reservados • Copyright © 2010 - 2017 • Powered by Blogger • Design por Ariane Reis • Desenvolvimento por