O Retorno de Izabel por J.A. Redmerski.

19/10/2015

| Arquivado em: Resenhas.

ISBN: 9788581052960
Editora: Suma de Letras
Ano de Lançamento: 2015
Número de páginas: 232
Classificação: Ótimo
Onde Comprar: Submarino.
Sinopse: Na Companhia de Assassinos: Livro 02.
Determinada a levar o mesmo estilo de vida do assassino que a libertou do cativeiro, Sarai resolve sair sozinha em missão, com o propósito de matar o sádico e corrupto empresário Arthur Hamburg. No entanto, sem habilidades nem treinamento, os acontecimentos passam muito longe de sair como o planejado. Em perigo, Sarai nem acredita quando Victor Faust aparece para salvá-la — de novo. Apesar de irritado pelas atitudes inconsequentes dela, ele logo percebe que a garota não vai desistir de seus objetivos. Então não há outra opção para ele a não ser treiná-la. Com tamanha proximidade, para eles é impossível resistir à atração explosiva. Nem Victor nem Sarai podem disfarçar o que sentem, ou negar o desejo que os une. No entanto, depois de tantos anos de sofrimento e tantas cicatrizes emocionais, será que eles conseguirão lidar com um sentimento como amor? Só que Sarai — novamente na pele de Izabel Seyfried — ainda terá que passar por um último teste; um teste para provar se conseguirá viver ao lado de Victor, mas que, ao mesmo tempo, poderá fazê-la questionar os próprios sentimentos e tudo que sabe sobre esse homem.

N
ão costumo ler livros de séries na sequencia. Na verdade até gosto de dar um tempo entre um livro e outro para ver se sinto aquela “saudade” dos personagens. Porém ao contrário do que normalmente acontece, ao terminar A Morte de Sarai senti um tipo de necessidade louca para saber o que acontecia depois da frase final. Então ignorando por completo a minha meta de leitura de outubro, passei O Retorno de Izabel na frente. E mesmo com pequenos detalhes que não me agradaram tanto, ele se revelou uma leitura deliciosa e tão empolgante quanto o livro anterior.

Não sei se contém spoilers, por isso quem não quiser colocar a sua conta em risco, pode pular dois parágrafos.

Ao partir sem dizer adeus Victor Faust tinha esperanças que Sarai fosse reconstruir a sua vida. Mas, a única coisa que Sarai foi capaz de fazer depois que ele a deixou foi fingir e mentir para todos. Ela sabia que jamais conseguira levar uma vida normal, e tinha certeza que o único caminho a tomar seria seguir os passos do homem que a salvou, mesmo que ele não a quisesse por perto. Determinada ela decide volta a Los Angeles para matar o inescrupuloso empresário Arthur Hamburg. Sarai começa a traçar o seu plano para chegar até Arthur, e transforma isso em sua pequena missão especial. Porém, as coisas não saem como planejado.  E mais uma vez Victor aparece para salvar a sua vida.

Irritado com as atitudes inconsequentes de Sarai, mas não querendo perdê-la, Victor resolve finalmente ceder aos desejos dela e passa a treina-la para ser uma assassina. E apesar do perigo eminente que ronda a vida dos dois a proximidade a atração que um sente pelo outro fique a cada dia mais forte e irresistível. Mas, tanto Victor como Sarai possuem uma carga emocional pesada demais, que talvez tenham impossibilitado ambos de amar.  Quando o teste final de Sarai acontece ela tem só uma escolha, - ficar ou morrer. E se ela escolher a primeira vai ter que lidar não apenas como as consequências da sua decisão, mas com tudo o que ela e principalmente Victor significarão na sua vida.

O Retorno de Izabel começa exatamente no ponto em que a história parou em A Morte de Sarai. A narrativa continua com um ritmo frenético e envolvente do tipo que a cada final de capitulo você prende a respiração e fica com o coração na mão, como medo e ao mesmo tempo ansiosa para saber o que vai acontecer. Nesse segundo livro da série Na Companhia de Assassinos,  a autora J.A. Redmerski apresenta um enredo mais profundo, forte e cruel. Ela não apenas explora a dor e os fantasmas dos personagens de uma forma mais intensa, como também os deixa mais “humanos”.  E essa pequena mudança de foco na narrativa torna a transformação da relação entre Sarai e Victor, ainda mais intima e explosiva.

Ambos revelam traços de personalidade até então escondidos aqui, só que confesso que em muitos momentos as atitudes imprudentes (burradas mesmo), da Sarai me incomodaram bastante. Falando o português bem claro, em determinadas situações ela é insuportável se comportando pior do que uma “criança birrenta”. Sério, a minha vontade era de falar para ela; “Sarai amiga, pare! Apenas pare!”. Por outro lado Victor () começa a mostrar que por de traz de sua fachada fria e calculista, bate um coração que pode aprender a amar.

Porém, quem rouba a cena em O Retorno de Izabel é o Fredrik Gustavsson (). Ele é aquele típico personagem perigoso e enigmático que por mais que você tente, é impossível não gostar dele.  Além disso, ele se revela um personagem chave em muitos momentos decisivos na trama. Continuo tendo certa “birra”, com o Niklas,e  acho que a má impressão que ele me causou no primeiro livro vai ficar, apesar das atitudes “legais” que ele teve. É como se eu não conseguisse “confiar“ no Niklas, se é que vocês me entendem.

Mas, o ponto alto aqui é que a autora foi tão genial na construção da história e na forma como conduziu todos os fatos e os personagens, que em dois momentos em especial ela quase me matou do coração. E gente, eu não estou sendo fangirl. Ok! Talvez um pouquinho, mas a J.A. Redmerski merece o crédito, afinal ela é uma das poucas autoras que até hoje consegui me enganar direitinho. E eu nunca fiquei tão feliz por ter sido enganada descaradamente, por mais de duzentas páginas.

“Sarai e eu matamos por motivos diferentes, somos movidos por necessidades muito distintas, mas , no fim das contas, somos ambos assassinos, e sei que isso nunca vai mudar (...).”

Em O Retorno de Izabel, a autora J.A. Redmerski não apenas fugiu dos clichês, como criou uma trama  ainda mais sedutora, perigosa e surpreendente. Mal posso esperar para ler O Cisne e o Chacal.

Veja também:

Comentários via Facebook

16 comentários:

  1. achei super interessante esse livro!
    nunca tinha ouvido falar, mas gostei muito!
    eu sempre costumo comprar aqueles livros ''cliches'' de sucesso, mas agora vou começar a dar uma chance pros outros livros hahaha
    ;D

    www.ressurgente.com

    ResponderExcluir
  2. Gostei muito do livro , pretendo ler !

    scrawlinthesky.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. oi flor, esse livro foi uma surpresa total, eu não dava nada por ele e me vi surpreendida por uma trama tão cheia de elogios! agora fiquei curiosa, não só por este mas também pelo que dá origem a série, acho que vou buscar saber mais
    felicidadeemlivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Olá, Ane.
    Diferente de você, eu prefiro ler na sequencia, tanto que sempre espero lançar todos os livros para começar a ler hehe. Eu costumo esquecer os detalhes se demorar muito. Que bom que o segundo livro te surpreendeu. É muito ruim quando no segundo livro o autor só enche linguiça. A minha unica ressalva em ler ele seria por causa da atitude da protagonista, mas ainda assim eu quero ler.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  5. Eu também gosto de dar um tempo entre um livro de uma série e o outro, mas não tempo demais, se não eu acabo esquecendo. Como eu ainda não li A Morte de Sarai, não li a resenha toda com medo de spoilers kkk

    Beijos,

    http://sweetlikecaramel.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Oi Ane! A autora me enganou neste livro, o casal estava tão diferente e o Vitor agindo como principiante, eu achando que era o amor que tinha deixado ele desatento, mas eis que veio aquela reviravolta e entendi cada uma de sua ações. Foi demais e eu amei. O próximo é o do Fred e estou ansiosa para saber seus segredos.


    Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  7. Parabéns pela resenha Ane! Já li A Morte de Sarai e amei! Estou ansiosa para ler O Retorno de Izabel! Beijo!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
  8. Oii
    Eu tenho vontade de ler o primeiro livro dessa série,
    e esse também parece ser legal, parece ter personagens muito interessantes.
    Que bom que também gostou dessa leitura.

    momentocrivelli.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Oi Ane!
    Fico feliz com sua empolgação, gosto dos clichês (admito!), mas nada como um livro surpreendente né?
    Vou anotar aqui, só vejo elogios a essa autora!
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Oie,
    nossa gostou mesmo do livro hein.
    Não compraria pela capa, alias, não chegaria nem perto do livro, mas gostei da resenha

    bjos
    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  11. Oi Ane!
    Eu também gosto de separar as leituras de livros de série, mas faço questão de que elas sejam próximas, sabe? A saudade dos personagens até é boa, mas é muito fácil eu esquecer dos detalhes, rsrs
    Que bom que o segundo livro cumpriu com as suas expectativas (tenho tanto trauma de primeiro livro bom e sequências sofríveis) Tomara que o terceiro faça o mesmo e seja lançado logo!
    Beijos,
    alemdacontracapa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Esse livro uma amiga minha ganhou em um sorteio e já falei para ela me emprestar pois quero ler RSrs da autora li "Entre o Agora e o nunca" e adorei a narrativa da autora.
    Bjs
    http://eternamente-princesa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Oi, Ane!

    Também tenho o hábito de separar as leituras de livros que fazem parte de séries, mas, às vezes, é impossível. Depende muito do final e da minha ligação com a história.
    Estou louca para ler esta série. Já vi tantos comentários positivos que minha curiosidade só aumenta. Adorei saber que a história continua tão boa e surpreendente quanto a do livro anterior! É ótimo quando a autora mantem o ritmo entre um livro e outro.

    Beijocas.
    http://artesaliteraria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  14. Parece um livro cheio de sofrimentos e já vi que o primeiro não tem um final feliz. A obra me chama a atenção, mas costumo sofrer de verdade pelos personagens hahahahahaha
    Tenho dúvidas ainda, se consigo encarar esse livro. Mas tô muito inclinada. Muito!!!

    www.vidacomplicada.com

    ResponderExcluir
  15. Olá Flor
    Tudo bem?
    Meu interesse por esses livros, esta crescendo cada vez mais ainda não tive a oportunidade de ler o primeiro mas li sua primeira Resenha, mas não me conquistou de imediato pelo fato do livro retrata violência, mas menina, acho que não vou aguentar HAHAHAH adorei parabéns
    Beijos
    http://resenhaatual.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

My Dear Library • Todos os Direitos Reservados • Copyright © 2010 - 2017 • Powered by Blogger • Design por Ariane Reis • Desenvolvimento por