O Morro dos Ventos Uivantes por Emily Bronte

05/12/2010



Olá meus amores! Quero me desculpar pela ausência das ultima semanas, mas ultimamente anda complicado para mim mesmo. Mas o importante é que aos poucos eu vou colocando as coisas em dia.
Hoje vou postar a resenha do Morro dos Ventos Uivantes da Emily Brontë, e amanha se tudo der certo o meu post especial sobre o Celtic Woman que eu estou devendo para vocês. Na verdade bastante coisa vai ficar para amanhã mesmo já que neste exato momento estou quase dormindo na frente do PC.
Vamos à resenha que é o que interessa.

O Morro dos Ventos Uivantes por Emily Bronte

Ficha Técnica:

Editora: Leya
Autor: EMILY BRONTE
Origem: Nacional
Ano: 2009
Edição: 1
Número de páginas: 200
Acabamento: Brochura
Formato: Médio
Na fazenda chamada Morro dos Ventos Uivantes nasce uma paixão devastadora entre Heathcliff e Catherine, amigos de infância e cruelmente separados pelo destino. Mas a união do casal é mais forte do que qualquer tormenta: um amor proibido que deixará rastros de ira e vingança. "Meu amor por Heathcliff é como uma rocha eterna. Eu sou Heathcliff", diz a apaixonada Cathy. O único romance escrito por Emily Brontë e uma das histórias de amor mais belas de todos os tempos.

“Se tudo o mais acabasse e ele permanecesse, eu continuaria a existir; e, se tudo o mais permanecesse e ele fosse aniquilado, eu não me sentiria mais parte do universo.”


Após ter lido esse livro pela terceira vez uma única frase resume tudo o que sinto a respeito dele: Simplesmente perfeito!
Não só pela narração impecável rica em detalhes, que realmente faz como que você seja transportado para o cenário da história. Ou pelos personagens marcantes que conseguem fazer você amá- los e odiá-los ao mesmo tempo. Isso tudo torna o livro especial sim, mas não o fariam ser tão grandioso e capaz de conquistar fãs até hoje ( por que detalhe o livro foi lançado em 1847).
Para mim ele é um dos melhores livros que já li na minha vida. Tanto que quando eu terminei fiquei com vontade de começar a ler de novo.
A narração se intercala com a do Sr. Lockwood e Nelly governanta da casa que viu o amor de Cathy e Heathcliff nascer, e as terríveis conseqüências que as escolhas erradas de ambos causaram.
Heathcliff não é um vilão sem coração com a maioria das pessoas que lêm o livro acabam pensando. Sim ele fez coisas terríveis movido pela vingança, ma no final quem mais sofreu por conta disso foi ele mesmo.
Cathy por mais mimada e egoísta que fosse, sabia que nunca seria permitido a ela viver o seu verdadeiro amor por Heathcliff. E que eles estam destinados a morrer com esse amor sem nunca poder viver ele.
O Morro dos Ventos Uivantes traz a tona os piores sentimentos humanos egoísmo, orgulho, ódio e vingança.
Egoísmo que levou Cathy a se casar com Edgar Linton, e mais tarde levou Heathcliff a se casar com Isabella Linton para se vingar de todos os que o humilharam no passado.
O mesmo desejo de vingança faz com que Heathcliff sacrifique a felicidade de outras pessoas para obter o que desejava mesmo sabendo que isso não traria sua amada Cathy de volta.
Com um desfecho surpreendente que mostra que o verdadeiro amor pode surgir de onde menos esperamos e de pessoas que nada tem haver uma com a outra, o Morro dos Ventos Uivantes nos faz passar por um redemoinho de emoções durante a leitura. No final não existe vilões e mocinhos, e você acaba se afeiçoando a todos os personagens por que eles são humanos com nós. Com seus dias bons e ruins, mas que no fundo só desejam a mesma coisa. Viver uma linda história de amor e principalmente, serem felizes.
Leiam, e quem já leu se tiver uma oportunidade releia tenho certeza que assim como eu se você der uma chance a essa obra prima, você vai acabar se apaixonando também.

Comentários via Facebook

6 comentários:

  1. aahh, adoro Wuthering Heights!
    a atmosfera mais do que sombria é a projeção perfeita da personalidade do Heathcliff sobre tudo ao redor dele.
    de fato, é um livro que faz a gente mergulhar nos rompantes de amor e ódio entre os personagens.
    uma leitura linda, e de partir o coração.

    parabéns pelo review! ^^'
    rafaela [aka ladyundone]

    ResponderExcluir
  2. Ótima resenha querida o/
    Saudade alias, das suas resenhas, e dicas de música (tá devendo, hein? :P)
    Adorei a sua resenha, junto com a da Rê me fazem querer ler o livro... acho que vou puxar ele mais p/ frente na listinha!

    Saudade e sucesso! o/
    =*

    ResponderExcluir
  3. Li o livro e gostei bastante, apesar do drama carregado e amor obsessivo... Exatamente como o da Bella e do Edward, HAHAHAHAHAHA

    Enfim, recomendo também :D

    Beijocas!
    Juh Oliveto
    Livros & Bolinhos ~

    ResponderExcluir
  4. Maravilhosa sua resenha, aliás, perfeita. As palavras usadas nesse texto, não poderia ser melhores.

    Eu fui devagar, empaquei, mas quando finalmente resolvi me entregar a cada personagem eu não tive como não me apaixonar por essa maravilhosa e clássica história de amor e ódio de Emily Brontë.

    Parabéns pela resenha querida!


    Beijinhos,

    ResponderExcluir
  5. Li esse livro para o clube do livro e me surpreendeu muito. O último clássico que eu tinha lido era Mcbeth e eu tava meio receosa. Mas a narração é ótima e super envolvente, adorei muito mesmo.
    Parabéns pela resenha *-*

    Beijos,

    Thanny in Wonderland
    http://whosthanny.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Oi vim te convidar para um sorteio que tá rolando no meu blog
    http://estilodemulher.blogspot.com/2010/12/parceria-rosa-madeira-sorteio.html

    Participa tá???
    O prêmio é uma bolsa da Rosa Madeira

    Tô te esperando lá!!!
    E ainda tem mais um prêmio se atingir 550 participantes!

    ResponderExcluir

My Dear Library • Todos os Direitos Reservados • Copyright © 2010 - 2017 • Powered by Blogger • Design por Ariane Reis • Desenvolvimento por