Magi: The Kingdom of Magic.

10/08/2016

| Arquivado em: ANIMES

Oie pessoas, tudo bem por aqui?

Sempre que visito blogs amigos encontro ótimas dicas de novos seriados, mas confesso que às vezes tudo o que eu quero é ver um bom e velho desenho animado. E foi justamente em um desses momentos que resolvi dar uma chance a um anime que estava há tempos na minha lista lá na Netflix o, Magi: The Kingdom of Magic.

imagem: Divulgação.
Lá estava essa que vos escreve toda feliz, curtindo seu novo anime favorito quando ela descobre que começou a história na ordem errada (...). Tipo depois de dez episódios enquanto pesquisava sobre alguns personagens (minhas novas paixões), me deparei com a informação que The Kingdom of Magic é na verdade a continuação, ou a “segunda temporada” de Magi: The Labyrinth of Magic.

Mas, bem como já estava na metade do caminho acabei achando melhor continuar assistindo ele mesmo e depois voltar e ver o anime anterior. E esse é um dos pontos legais The Kingdom of Magic, por que mesmo ele sendo uma continuação o plot dele é muito bem trabalho. Ou seja, você não se sente perdido na história.

imagem: Divulgação.
Baseado no mangá de sucesso escrito e ilustrado pelo mangaká Shinobu Ohtaka, Magi conta a trajetória de três amigos Aladdin, Alibaba Saluja e a Morgiana. A história começa no Reino de Sindria governado por Sinbad e tudo nesse lugar nos remete as histórias e lendas árabes. É de Sindria que Aladdin, Alibaba Saluja e Morgiana partem cada um para um destino diferente. Aladdin é um Magi, um ser extremamente poderoso capaz controlar altos níveis de magia.

imagem: Divulgação.
Porém o seu corpo ainda é muito frágil para abrigar tanto poder e por esse motivo ele resolve partir para Magnostadt um país pequeno governado por magos, conhecido pelo seu alto desenvolvimento em magia e por não ver com bons olhos aqueles que nascem sem poderes.  Enquanto Aladdin se esforça para aprender a controlar o seu poder e descobrir o segredo que Magnostadt esconde, Alibaba encara o pesado treinamento dos gladiadores do Império Leam.

imagem: Divulgação.
Alibaba é portador de uma relíquia mágica conhecida como recipiente de metal. Essa “arma” quando usada permite a fusão de seu dono com os poderes de seu Djinn (gênio). Mas para usar tamanho poder sem colocar a vida em risco Alibaba precisa ficar mais forte, mesmo que para isso ele tenha que sofrer, ou melhor dizendo, "apanhar" um pouco no começo. Já Morgiana que passou a vida toda como escrava, agora que está livre começa uma jornada solitária para tentar reencontrar com sua família.

imagem: Divulgação.
Há principio Magi lembra um pouco Dragon Ball, já que ambos são aqueles tipos de animes com muitos personagens e com algumas “pegadinhas” maliciosas. Porém o bacana em Magi é perceber como essa grande estrutura foi dividida. As nações existentes na história possuem características próprias que nos ajudam a diferencia-las durante os episódios. O Império Leam lembra muito a Grécia e a Roma antiga, enquanto o misterioso e sombrio Império de Kou é nação mais parecida com o China e o Japão medieval. 

imagem: Divulgação.
O enredo é bem focado no Aladdin e nos seus estudos em Magnostadt, só que o mais interessante em Magi é a forma como ele aborda questões sociais sérias como, ódio e discriminação racial, escravidão e sistemas de classes.  A discussão aqui é conduzida sem que seja preciso "apontar o dedo" para alguém e dizer que fulano é mau e ciclano é bonzinho.  Até por que, mesmo as atitudes mais “cruéis” são movidas por um tipo de ideal ou verdade em que aquele personagem acredita. Nada é gratuito e sem motivo, o que torna a história ainda mais envolvente e seus personagens tão cativantes.

imagem: Divulgação.
E isso faz também com que seja bem difícil você tomar “partido” de alguém aqui. Tipo eu fiquei simplesmente apaixonada pelo Alibaba, só que não nego que senti um carinho especial pelo clã Ren do Império de Kou.  Principalmente pelo Kouen () e Koha, e acreditem quando eu digo que eles não são assim tão malvados.  Na verdade eles estão mais para arrogantes do que para vilões da história, mas como ainda não vi The Labyrinth of Magic não tenho como ter certeza. Vai que é a minha tendência de sempre gostar dos vilões falando mais alto novamente.

imagem: Divulgação.
Kouen ()
Outro ponto que me chamou a atenção no anime é que mesmo o Aladdin sendo o personagem principal, os personagens secundários conseguem em muitos momentos roubar a cena, como é o caso do Sphintus Carmen. Dei muita risada com as interações dele com o Aladdin, da mesma forma que chorei muito pelo Titus. Por que The Kingdom of Magic possui aquela tipo de história que nos envolve de tal maneira que em certos episódios é bem difícil conseguir segurar as lágrimas. Especialmente se você é manteiga derretida como eu.

imagem: Divulgação.
The Kingdom of Magic ainda conta como outros personagens poderosos e enigmáticos, com a sacerdotisa do Império Leam,  Scheherazade, o Yunan que é um tipo de Magi “andarilho” e o Judar que é o Magi do Império de Kou. O Yunan e o Judar aparecem bem pouco no anime, mas são aparições que contribuem muito para o desfecho da história. E já aviso que um deles não é flor que se cheire. E sim ele é o meu favorito (me julguem).

Shinobu Ohtaka construiu um mundo e uma trama surpreendente. Mesmo que a sua principal inspiração tenha sido personagens e lendas já conhecidas, o mangaká conseguiu criar uma história original, cheia de bons diálogos e reflexões atuais. E melhor, tudo isso inserido em um universo fantástico, com personagens maravilhosos e momentos emocionantes.

Ficha Técnica:
Magi: The Kingdom of Magic
Titulo Original: Magi: The Kingdom of Magic
Gênero: Shōnen, Ação, Fantasia, Sobrenatural
Direção: Koji Masunari
Autor: Hiroyuki Yoshino
Produtora:  A-1 Pictures
Música: Shiro Sagisu
Número de Episódios: 25
Ano de Lançamento: 2012
Personagens Principais: Aladdin, Alibaba  Saluja, Morgiana, Sinbad, Hakuryuu Ren, Kouen Ren , entre outros.



Sinopse: A história de Magi gira em torno de Aladin, que viaja pelos desertos cheios de bandidos e criaturas maléficas e que possui uma flauta mágica que possui dentro dela um gênio! Ele se chama Ugo e curiosamente não tem cabeças, mas mesmo assim possui um corpo extremamente forte. No meio de sua jornada em busca das “Dungeon”, Aladin conhece outras pessoas como Alibaba e outros nomes bastante conhecidos do universo das histórias que conhecemos desde criança. Qual será o desenvolvimento da série que conta como pano de fundo os famosos contos das 1001 noites?

Abertura:

Não preciso nem comentar com vocês que já estou me “coçando” aqui para assistir Magi: The Labyrinth of Magic. É que escrevendo esse post, meu bateu aquela saudade dos personagens e desse reino mágico (). E não sei, mas estou achando que nesse final de semana uma certa blogueira vai fazer maratona.

Lembrando que no Brasil, os mangá Magi: The Labyrinth of Magic está sendo publicado pela Editora JBC.

Beijos e até o próximo post;**

Saiba +
Wikipédia | Editora JBC 

Comentários via Facebook

27 comentários:

  1. Oi Ane!

    Olha que coincidência, estou vendo a primeira temporada e adorando! Os personagens são super carismáticos e acho o traço lindo! Em breve chego na segunda temporada!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  2. Gostei da dica Ane. Quando se fala em anime, logo me lembro de Os Cavaleiros do Zodíaco, que acredito ter sido o único que acompanhei. Este me pareceu ser interessante. Beijo!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
  3. Oie,
    não conhecia o anime, mas achei bem legal.
    Vou procurar para assistir.

    bjos
    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  4. eu gosto dos desenhos gráficos, cheio de cor e movimento, um arraso! de anime, como sempre pouco conheço, mas muito escuto e leio sobre o assunto
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi Ane! Gostei da dica, assim que terminar de assistir Death Nore eu confiro este. Viciei em mangás e animes, não porque demorei tanto tempo para me aventurar neste universo.

    Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  6. Nossa, que saudade de assistir animes <3 Teve uma época em que eu assistia um atrás do outro. Agora recentemente que eu voltei a dar uma olhada ou outra, e já afirmo que este já está na minha lista! uheueheu Adorei a temática e o fato de ter poucos episódios ajuda.

    Abraços,

    Blog Decidindo-se \o/

    ResponderExcluir
  7. Oi, Ane!
    Eu não sou muito de acompanhar animes, mas recentemente, a atrasada aqui começou a assistir Death Note. Anotei sua dica para assistir quando terminar.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  8. Oi Ane, sua linda, tudo bem?
    Eu também tenho várias indicações de animes, mas acredita que até hoje não vi nenhum? Não está me sobrando tempo, mas um dia vou sentar e ver uma temporada inteira de algum deles, risos... Gostei do enredo desse, vou anotar também. Sua crítica ficou ótima!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Oi, Ane...
    Já fui bem mais de assistir animes, teve uma época que nem comia direito rs.
    Mas é que depois dos reizinhos ficou um pouco difícil porque a maioria não são para idade deles então acabo dando preferencia a eles rs.
    Mas gostei de conhecer esse.
    Beijo

    Te Conto Poesia ♥

    ResponderExcluir
  10. Não conhecia este anime. Parece bem legal, amo ver animes de fantasia.
    Parei de ver animes há um tempo pois descobri a magia das séries e sempre adiciono mais uma em minha lista, mas darei uma chance para este pois tem na Netflix e parece ser realmente bom.

    www.donadegato.com
    Beijos!

    ResponderExcluir
  11. Olá, Ane.
    Não sou muito de assistir animes, prefiro as séries. Mas esses dias estava dando uma olhada lá na lista da Netflix para assistir algum. Mas tem tanta coisa que fica dificil escolher hehe. Acho que vou assistir esse para ver o que acho.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  12. Oi Ane!
    Eu não entendo nada de animes e mangas, mas personagens apaixonantes são personagens apaixonantes não importa a narrativa, né? Seja livro, série, filme...o que for.
    Incrível que você não tenha se sentido perdida, mesmo começando na segunda temporada.E que deliciosa surpresa deve ter sido descobrir que havia tanto mais dos seus personagens queridos para ver? ;)
    Achei legal que há uma temática séria sendo abordada também.
    Beijos,
    alemdacontracapa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  13. Oi Ane,
    Eu não sou ligada em mangás, na verdade, não sigo nenhum.
    Então, nem conhecia essa dica. Uma novidade para mim.
    Vejo tantos elogios a vários deles que fico curiosa para começar algum.
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Helloo, Ane! Tudo numa nice?!
    Eu não sou de assistir anime, só vi algumas episódios de Naruto e conferi alguns outros filmes do estilo, mas com essa recomendação e toda a empolgação eu fiquei com vontade de conferir. Parece ser interessante. E eu também tenho uma queda por vilões. Se eu tivesse sabido que estava acompanhando errado eu pararia e voltaria atrás. Eu não consigo e nem gosto de assistir fora de ordem.
    Beijin...
    Pieces of Alana Gabriela

    ResponderExcluir
  15. Oi Ane!
    Faz muitoooooo tempo que não vejo nenhum anime, e infelizmente não conheço esse :(
    Mas pelo que vc falou, parece ser bem legal!
    Beijos
    www.somosvisiveiseinfinitos.com.br

    ResponderExcluir
  16. Oi Ane,
    Sempre vejo falar do mangá desse anime, mas nunca parei para assistir ele.
    Gostei muito da premissa, vai para a infinita lista que tenho de animes para assistir rsrs.
    Bjs e uma ótima noite!
    Diário dos Livros
    Siga o Twitter

    ResponderExcluir
  17. Ooi! Nossa, eu até esqueço que na Netflix tem anime/desenho e tal. Sempre esqueço de procurar algo pra ver, sempre olhando só os clássicos do Cartoon mesmo. :\
    Gostei da dica, mesmo sem ser fã de anime parece ser bem legal.
    Beijos
    Estilhaçando LivrosCantar em Verso

    ResponderExcluir
  18. Acho que você sabe que não curto muito anime/mangás, né hahaha quer dizer, não é nem questão de não curtir, mas não ter muita vontade de pegar um tempo pra assistir mesmo. Mas dica anotada, quem sabe um dia me aventuro!

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Oi, Ane

    Hoje em dia eu não tenho mais paciência para assistir animações/anime/whatever, mas antigamente eu amava. Você falou ali que esse lembra Dragon Ball e eu adorava Dragon Ball quando era criança. O último anime que eu vi do início ao fim foi Yu-Gi-Oh - lembro até hoje que eu fiquei pulando no quarto quando ele conseguiu invocar o Exódia! hahahaha
    Mas hoje em dia não consigo mais sentar e assistir um episódio de qualquer animação sequer.

    Beijo
    - Tamires
    Blog Meu Epílogo | Instagram | Facebook

    ResponderExcluir
  20. Oi, Ane!
    Já te falei que adoraria ter mais tempo para assistir tudo isso, né? Eu até gosto de animes, mas sempre acabo optando por séries ao ter algum tempinho livre.
    Fiquei curioso para ver este. Parece ser divertido.
    Abraço!

    "Palavras ao Vento..."
    www.leandro-de-lira.blogspot.com

    ResponderExcluir
  21. Oi Ane!
    Eu gosto de assistir alguns animes de vez em quando, mas confesso que esse não me encantou. Dei uma chance pra ele na Netflix tbm, mas n quis continuat acompanhando ;)
    Bjs
    http://acolecionadoradehistorias.blogspot.com

    ResponderExcluir
  22. Oi Ane, tudo bem?
    Meu namorado tá assistindo Magi: The Labyrinth of Magic e tá curtindo! =)
    Eu achei o traço bem bonito, mas esse estilo de anime não tem me chamado muito a atenção, infelizmente. :(
    Beijos,

    Priscilla
    Infinitas Vidas

    ResponderExcluir
  23. Ah, que legal! Eu nunca assisti animes.... não que eu me lembre. Doramas e filmes sim, mas anime... acho que nunca. Vou colocar na minha lista da netflix pra conferir depois!

    =)

    Suelen Mattos
    ______________
    ROMANTIC GIRL

    ResponderExcluir
  24. Olá, tudo bom? Não gosto nem um pouco de animes, acho meio estranho, então não assistiria, mas seu post ficou ótimo *_*

    Beijos
    https://resenhaatual.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  25. Oi, Ane!
    Eu necessito assistir um anime! E com certeza estou anotando essa dica! Amo magia, e fiquei muito curiosa para conhecer esses personagens! <3

    Beijos,
    Eli - Leitura Entre Amigas
    http://www.leituraentreamigas.com.br/

    ResponderExcluir
  26. ai magi eu amo <3 , paixão total agora deu vontade de rever :P otima resenha .

    Bjss

    http://estantedasara.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  27. Nossa faz muito tempo que eu não assisto anime, nem série eu ando vendo direito, somente uma ou outra que eu acompanho certinho ultimamente. Animes não são bem o meu forte, mas gosto de dar oportunidades para alguns e já que esse tem no Netflix, não custa maratonar um dia :P E eu assisti tbm Dragon Ball \o/

    Gostei principalmente dos nomes dos personagens com umas referências bacanas, e é de se esperar que o enrendo seja interessante, porque pelo pouco contato que eu tive com animes e alguns mangás, as histórias sempre exploram assuntos do cotidiano por mais que não percebamos logo de cara.

    Abraços!

    Mundo Silencioso http://goo.gl/0lZj9w

    ResponderExcluir

My Dear Library • Todos os Direitos Reservados • Copyright © 2010 - 2017 • Powered by Blogger • Design por Ariane Reis • Desenvolvimento por