A Melodia Feroz por Victoria Schwab.

01/06/2017

| Arquivado em: RESENHAS.

Este livro foi recebido como
cortesia para resenha.
ISBN: 9788555340413
Editora: Seguinte
Ano de Lançamento: 2017
Número de páginas: 384
Classificação:
Livraria Saraiva | Compare os Preços
Sinopse: Monstros da Violência – Livro 01.
Kate Harker e August Flynn vivem em lados opostos de uma cidade dividida entre Norte e Sul, onde a violência começou a gerar monstros de verdade. Eles são filhos dos líderes desses territórios inimigos e seus objetivos não poderiam ser mais diferentes. Kate sonha em ser tão cruel e impiedosa quanto o pai, que deixa os monstros livres e vende proteção aos humanos. August também quer ser como seu pai: um homem bondoso que defende os inocentes. O problema é que ele é um dos monstros, capaz de roubar a alma das vítimas com apenas uma nota musical. Quando Kate volta à cidade depois de um longo período, August recebe a missão de ficar de olho nela, disfarçado de um garoto comum. Não vai ser fácil para ele esconder sua verdadeira identidade, ainda mais quando uma revolução entre os monstros está prestes a eclodir, obrigando os dois a se unir para conseguir sobreviver.

Confesso que por mais eu tente fugir de séries novas, elas sempre dão um jeitinho de despertar a minha curiosidade e com isso parar na minha lista de desejados. Um bom exemplo disso é A Melodia Feroz, primeiro livro da duologia Monstros da Violência da autora Victoria Schwab. E para minha felicidade não só a leitura se mostrou surpreendente como essa é também uma das melhores distopias tive o prazer de ler até o momento.

Na cidade de Veracidade ou Cidade V como ficou conhecida cada ato de violência gera um monstro, - um monstro de verdade. Corsais, sombras famintas por carne; malchais, seres esqueléticos sedentos por sangue; e sunais, criaturas que se parecem humanas, mas que com uma melodia são capazes de sugar almas. Nessa cidade divida entre o norte o sul onde o terror se esconde a cada esquina, Katherine Harker e August Flynn estão em lados opostos.

Kate Harker é filha do temido Collum Harker, líder da Cidade Norte a parte de Veracidade em que aquele que tem dinheiro para comprar proteção, compra também à ilusão de segurança e normalidade. Os monstros da Cidade Norte obedecem a Collum, e com isso ele permanece no poder ao mesmo tempo em que ele mantém a filha afastada. Só que Kate não quer ficar longe, na verdade tudo o que a jovem deseja é ser tão cruel quanto o pai.

August Flynn é um sunai, a mais perigosa de todas as espécies de monstros que a violência pode gerar. Ele foi adotado por Henry Flynn o sensato líder da Cidade Sul. Com Flynn, August por alguns anos teve uma vida quase humana, apesar da disputa constante na Fenda que separa Veracidade entre o norte e o sul.  August não que ser um monstro, mesmo que a sua natureza e necessidades façam dele um.

Quando a trégua entre os dois lados da cidade ameaça a ruirKate volta a Veracidade e o lado sul precisa que August se passe por um garoto normal e fique de olho nela no colégio. O plano poderia dar certo, mas logo fica claro para August que manter sua verdadeira identidade em segredo não será uma tarefa tão fácil como todos imaginavam. Até por que Kate é uma garota esperta, afinal ela é uma Harker.

O desejo de Kate agradar e conquistar a confiança do pai é forte e ela está disposta a fazer o que for preciso para isso. Porém quando a sua vida passa correr risco e não há mais ninguém em que posso confiar à única forma de permanecer viva e descobrir a verdade é justamente se aliando a August, o monstro. Conseguirá Kate se salvar da revolução dos monstros que a querem ver morta? E por quanto tempo August conseguirá manter a trevas afastadas do seu coração antes de sucumbir?

Admito que A Melodia Feroz não foi aquele livro que me conquistou logo no começo. Ele está mais para  aquele tipo de narrativa que aos poucos foi me envolvendo, até que em um determinado momento, eu já estava completamente imersa no mundo caótico e sombrio criado pela Victoria Schwab. Uma história cadenciada em que todas as peças vão se encaixando a cada capítulo, o que tornou tudo ainda mais interessante de se acompanhar.

Não nego que incomodei um pouco com a dupla de protagonistas no inicio, afinal é visível que ambos estão tentando ser aquilo que não são. August é um doce de monstro (se é que um monstro pode ser doce), porém por mais as atitudes dele até certo ponto possam ser vistas como “nobres”, é perceptível que uma hora a coisa toda vai desandar e não vai acabar nada bem. Já com a Kate a minha dificuldade foi entender o porquê ela se esforçar tanto para ter o “amor” de uma pessoa que é mais monstruosa do que os monstros de verdade que habitam a cidade.

O modo com a autora desenvolveu os protagonistas e trabalhou com os dramas pessoais de cada um é um dos fatores que contribuem para que A Melodia Feroz seja tão incrível.  Normalmente esse tipo de evolução nos personagens em séries só acontece de um livro para o outro, já aqui é perceptível o quanto as situações pelas quais Kate e August passam os transformam.  Os personagens secundários também desempenham um papel importante na narrativa, especialmente o Sloan e o Leo. Gostei muito da Ilsa e por mais que a autora tenha dado umas "pinceladas" sobre o passado dela nesse primeiro livro, ainda sinto que tem muito mais a ser revelado.

Quando comecei a leitura esperava encontrar uma história com a mesma receita de sucesso dos livros jovens atuais. Mas me surpreendi de uma forma que até então não pensava ser possível. Esqueça o romance óbvio, o triangulo amoroso desnecessário com personagens frágeis e “bonzinhos” demais. Em A Melodia Feroz, Victoria Schwab apresenta uma distopia original, em que seus personagens são falhos, nem bons e nem maus somente humanos ou monstros. Tudo isso com uma narrativa repleta de intrigas e reviravoltas que me deixaram de queixo caído e querendo mais. 

“Por que todos tinham de estragar o silêncio com perguntas? A verdade era uma coisa desastrosa.”

A Melodia Feroz é uma sinfonia que começa com uma nota triste e sombria e que aos poucos nos envolve com suas matizes escuras e seus segredos. Esse é aquele livro para quem está buscando uma história com os toques certos de ação, mistério e fantasia. Aqui esses três elementos se unem em um ritmo perfeito deixando tudo ainda mais trágico, cruel e surpreendente.

Comentários via Facebook

24 comentários:

  1. Oi Ane!! Que bom que o livro te conquista no final das contas, acho que a evolução dos personagens logo no primeiro livro é realmente um fator positivo! Espero que os próximos livros sejam tão bons quanto esse!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  2. Oi Ane, tudo bom?
    Eu solicitei esse livro pra resenha e tô muito ansiosa pela leitura! Vi algumas reviews gringas que me animaram e saber que vale a pena me deixa muito feliz.
    AMO um bom desenvolvimento de personagem, é a coisa que mais me conquista em histórias assim.
    Ótima resenha!

    Beijos,
    Denise Flaibam.
    www.queriaestarlendo.com.br

    ResponderExcluir
  3. um enredo diferente de tudo que ja vi, interessante e intrigante
    fiquei curiosa
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi, Ane!
    Que resenha incrível! Me deixou mais ansiosa por essa leitura!
    Acho ótimo quando o livro nos surpreende, e ele possui todos os elementos que eu aprecio em uma boa obra!
    Louca pra conhecer os protagonistas e os seus segredos!

    Beijos!
    Eli - Leitura Entre Amigas
    http://www.leituraentreamigas.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Gostei da resenha Ane. Já li um livro dessa autora e apreciei muito a sua escrita. Beijo!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
  6. Amei essa resenha, estava precisando de um livro assim e ainda mais sendo série.
    Beijos
    http://www.unicorniosnoarmario.tk

    ResponderExcluir
  7. Oi, Ane!
    Eu comprei meu exemplar em inglês e estou super ansiosa para ler. A Victoria me conquistou com a trilogia Tons de Magia e espero ser conquistada por essa também.
    Ah! E a série vai ser uma duologia, na verdade. O segundo livro vai ser lançado agora em junho.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Sorteio Dois Anos de Família Hallinson

    ResponderExcluir
  8. Oi Anne, sua linda, tudo bem?
    OMG!!!! Essa é a primeira resenha que leio e não acredito que considerou o livro a melhor distopia que já leu!!!Gente, que história diferente mesmo, fiquei curiosa com essa forma como os monstros são criados. E só por saber que temos aqui natureza falha, tanto dos homens quanto dos mosntros, já me deixou empolgada, adoro quando os autores trabalham esse tema. Estou louca para ler!!! Adorei sua resenha!!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Apesar de não ter sido uma leitura que te chamou atenção logo no começo eu me interessei, adoro distopias no meu ensino médio só lia coisas assim rs Gostei da resenha ♥

    www.vestindoideias.com

    ResponderExcluir
  10. Ooi ainda não conhecia o livro, mas adorei a resenha apesar de não ser meu gênero favorito.
    beijos bom final de semana
    http://bellapagina.blogspot.com.br
    Tem sorteio rolando lá no instagram do blog : @Bellapagina

    ResponderExcluir
  11. Olá, Ane.
    Quando vi esse livor nos lançamentos eu fiquei com muita vontade de ler ele. E ainda mais não sendo daquelas series enormes que não lançam as continuações nunca hehe. E agora lendo sua resenha e como fã de distopias, é claro que fiquei com mais vontade ainda de ler. Imagine se acontecesse isso por aqui, não tinha mais espaço no mundo hehe.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  12. Oi Anne, parece ser muito bom!
    Já gostei por ser uma das melhores distopias que vc leu e por sair do comum, haha
    Bjs
    http://acolecionadoradehistorias.blogspot.com

    ResponderExcluir
  13. Gostei do enredo... Eu não conhecia o livro ... Mas parece ser uma bela obra.

    Daniele

    Dezesseis

    ResponderExcluir
  14. Essa capa é maravilhosa e eu estou louca pra ler esse livro porque só encontrei otimas resenhas dele. Sem contar que é uma serie né. Series geralmente são boas kkkk O único problema é que tenho que esperar a serie ficar completa pra comprar, eu nao me aguento kkkkkk
    http://b-uscandosonhos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Aneeeeee, que livro hein?
    Eu confesso que também esperava 'mais do mesmo'. Fico bem empolgada ao ver que a obra se destaca e se tornou uma queridinha sua? NECESSITO LER!
    O enredo é bem interessante...
    Beeeeijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Oi
    estava curiosa para conferir uma resenha do livro, que bom que gostou e que achou original, essa história chamou minha atenção desde. Acho que se tiver a chance leria ele.

    momentocrivelli.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  17. Oi Ane, tudo bem?
    Adorei a dica!
    Nunca tinha ouvido falar do livro, mas achei a premissa inovadora e interessante. Além disso, achei muito legal ser uma duologia, porque aí dá pra ler mais rápido. :P
    Beijos,

    Priih
    Infinitas Vidas

    ResponderExcluir
  18. Oi, tudo bem??
    Não conhecia o livro, mas achei a história bem diferente, com os protagonistas sendo monstros, que legal! Anotei essa dica!
    Beijos
    www.somosvisiveiseinfinitos.com.br
    Vídeo novo: https://www.youtube.com/watch?v=YnyN6rbpF70

    ResponderExcluir
  19. Oi Ane,
    Não sou muito fã de distopias, mas achei o enredo além de original bem diferente. Quem sabe no futuro eu me arrisque a lê-lo.

    *bye*
    Marla
    http://loucaporromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Oi, Ane

    Fiquei aqui pensando como seria se algo do tipo acontecesse no mundo real... aqui no Rio ia ter mais monstro do que gente! hahahaah Tô rindo, mas é triste.
    Você se surpreendeu com Kate? O que mais tem é gente querendo chamar atenção de pessoas que não merecem!
    Esse livro será uma das minhas próximas leituras e agora, depois da sua resenha, estou menos receosa, já que o gênero não é lá um dos meus favoritos.

    Beijos
    - Tami
    Blog Meu Epílogo | Instagram | Facebook

    ResponderExcluir
  21. Oi, Ane. Tudo bem?
    Sempre vejo muitas pessoas comentando sobre esse livro e nunca li. Sua resenha me deu muita vontade de ler, inclusive porque amo distopias. Já está na minah listinha. Beijinhos!

    Eduarda | #blogumup
    Universo Paralelo

    ResponderExcluir
  22. Olá Ane, tudo bem?
    Vi esse livro esses dias, e gostei da premissa. Agora, após ler a sua resenha, vejo que o livro é realmente bom. Estou tentando evitar séries,trilogias e tal, mas está na lista. Hahaha
    Beijos!

    Http://excentricagarota.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  23. Ooooi!

    Fiquei sabendo quando lançou. Essa é a primeira resenha que leio do livro e já me conquistou logo de cara <3 Uma amiga minha comprou, e eu confio no gosto literário dela. Acho que já quero o livro, hein hahaha Beijos,

    www.estranhoscomoeu.com

    ResponderExcluir

My Dear Library • Todos os Direitos Reservados • Copyright © 2010 - 2017 • Powered by Blogger • Design por Ariane Reis • Desenvolvimento por