11/07/2018

Reinado Imortal por Morgan Rhodes.

| Arquivado em: RESENHAS.



ISBN: 9788555340536
Editora: Seguinte
Ano de Lançamento: 2018
Número de páginas: 424
Classificação: Muito Bom
Sinopse: A Queda dos Reinos – Livro 06.
No último volume da série épica A Queda dos Reinos, grandes inimigos precisam se tornar aliados para salvar Mítica da ira dos deuses elementares. Os cristais da Tétrade foram reunidos e os deuses elementares que estavam aprisionados neles foram libertados, mas seu poder e magia não podem ser contidos por ninguém. Saindo do controle de humanos e imortais, os deuses se uniram e planejam destruir todos os reinos, começando por Mítica. Enquanto Jonas continua ignorando o destino que o liga a Lucia, a feiticeira está preocupada em encontrar maneiras de proteger sua filha — mesmo que isso signifique enfrentar sozinha Kyan, o deus do fogo. Amara também está disposta a encarar os deuses elementares. Apesar de ter voltado para o Império Kraeshiano, não desistiu de se tornar a mais poderosa dos reinos. Ao lado da avó, pretende conquistar Mítica só para si. Magnus e Cleo terão seus sentimentos testados mais uma vez. Com os inimigos se aproximando e uma magia maligna tomando conta dos territórios de Mítica, eles precisam descobrir se o amor que sentem é o suficiente para vencer as forças que querem destruí-los — e a toda a nação.

A Queda dos Reinos é aquela série que sempre terá um lugar especial em meu coração. Logo no primeiro livro fui completamente conquistada pela narrativa jovial e fluida da autora Morgan Rhodes, que ao longo de seus livros nos apresentou uma história que mescla literatura fantástica, aventura e romance com personagens que evoluem gradualmente junto com a narrativa. Porém, a pergunta que estou me fazendo desde que li o último parágrafo de Reinado Imortal é o porquê estou me sentindo tão frustrada com o que encontrei aqui.

Não que eu não tenha gostado do caminho que a autora tomou para finalizar a série. Alguns pontos eu achei bem interessantes e de certa forma, Morgan Rhodes soube como não deixar nenhuma ponta solta e finalizar “bem” a história que se propôs a escrever. A minha frustração é pelo modo como tudo isso aconteceu, - rápido e sem emoção alguma. Mas, estou me antecipando os fatos (...).

Quem não quiser pegar spoilers pode pular três parágrafos a partir de agora.

Os quatro deuses da Tétrade finalmente estão reunidos e prontos para submeter não apenas Mítica, mas todo o mundo ao seu poder destruidor. Lucia Damora, carrega nos ombros o fardo de suas escolhas erradas e está disposta a fazer o que for preciso para impedir que Kyan, o temível deus do fogo destrua tudo aquilo que ela ama. Só que ela não está sozinha nessa missão, pois embora prefira ignorar os riscos e o seu papel na batalha contra os deuses elementares, Jonas o rebelde de Paelsia sabe que de alguma forma quando o momento final chegar a feiticeira irá precisar dele e de sua estranha magia.

Do outro lado, o amor improvável que uniu a princesa Cleo e o príncipe Magnus passará por uma última prova de fogo, onde eles terão que ser fortes para vencer a magia maligna que está cada vez mais próxima do reino que ambos prometeram proteger. E se os deuses da Tétrade já não fossem preocupação suficiente para o jovem casal, Amara a imperatriz de Kraeshia e sua inesgotável sede de poder continua sendo uma ameaça no horizonte.

As peças estão postas e o tempo está se esgotando. Conseguirá Lucia se redimir dos erros do passado e encontrar uma forma de aprisionar os deuses elementais novamente? E Jonas, o que o destino reserva para o jovem rebelde? O amor de Cleo o Magnus será forte o suficiente para sobreviver a última e decisiva batalha entre os frágeis seres humanos e poderosos deuses imortais?

Talvez o meu maior “erro” foi ter aguardado esse livro com muitas expectativas. Mas, gente é o último livro de uma das minhas séries favoritas, em minha defesa digo que é um pouco óbvio que eu tinha muitas expectativas sim! E que infelizmente elas não foram atingidas (...). Não que o livro não seja bom, ou que a escrita da Morgan tenha perdido a qualidade. A verdade é que Reinado Imortal segue a mesma linha dos livros anteriores como de a autora não quisesse sair de sua “zona de conforto” e arriscar um pouco mais para dar a narrativa aquele toque de emoção que faria toda a diferença no resultado final da obra.

Ao contrário dos livros anteriores em que cada capítulo reservava uma reviravolta de tirar o fôlego em Reinado Imortal, nada chega a ser de fato surpreendente. A impressão que eu fiquei é que a própria autora estava com “pressa” de amarrar os pontos e finalizar a história de um modo que ficasse convincente para todos. E de fato ela consegue isso, mesmo que para tal tenha recaído em alguns pontos a certa “superficialidade” quando podia e devia ter explorado melhor os elementos presentes na trama. Um bom exemplo disso, é o desfecho que ela dá para o rei Gaius.

Como um dos pontos positivos a ser destacado é a evolução que cada personagem tem no decorrer da série. Confesso que até o final torci por um final diferente para a Lucia, afinal desde do primeiro livro ela fez questão de ser aquela típica personagem insuportável que por mais que você tenha um bom coração, deseja que ela desapareça (me julguem). Cleo e Magnus amadureceram bastante também e mostraram da forma mais clichê possível que, - o verdadeiro amor vence tudo.

Porém de todos os personagens o que realmente merecia, ao menos em minha opinião um destaque maior é o Jonas. Tipo, ele é aquele personagem que se “ferra” do começo ao fim. Faz uma burrada atrás da outra, e sim em muitos momentos é completamente mal aproveitado na história. Não sei o que eu como leitora esperava, mas com certeza era um final bem mais “heroico” para quem perdeu tanto no decorrer de cinco livros (...).

Em suma Reinado Imortal não entregou ao menos para essa leitora que vos escreve a história que prometia. Porém, mesmo que uma parte de mim se sinta frustrada com alguns pontos, Morgan Rhodes nos apresenta uma história cativante e com personagens que são reais e que estão dispostos a fazer o que for preciso para salvar aqueles que amam. Sem dúvidas a série A Queda dos Reinos terá para sempre um lugar especial em minha estante e no meu coração de leitora.

“- As pessoas têm formas diferentes de lidar com as adversidades. Não significa que estejam felizes.”

Para os fãs de literatura fantástica a série A Queda dos Reinos traz uma narrativa atrativa com personagens fortes e momentos que mesclam emoção, ação e aventura. Infelizmente o seu capítulo final deixa um pouco a desejar, porém isso não tira o mérito da autora Morgan Rhodes em nos presentear com uma história envolvente que nos deixa apaixonados e já saudosos nos parágrafos finais.

Veja Também:

Comentários via Facebook

12 comentários:

  1. oi Ane, é uma pena que a história tenha dado essa derrapada bem no final, mas eu particularmente não conheço o trabalho da autora, mas li ótimos comentários

    http://felicidadeemlivros.blogspot.com/2018/07/resenha-luz-que-perdemos.html

    ResponderExcluir
  2. Gostei da resenha Ane. Apesar do último livro ter deixado um pouco a desejar nas suas palavras, a série - num todo -, me pareceu ser bem elaborada e interessante. Beijo!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
  3. Oi Ari, tudo bem? Só li criticas positivas dessa série de fantasia que até fiquei surpresa pelo final ter te frustrado, uma pena mesmo, mas acho que a jornada dos personagens é bem interessante e o universo criado pela autora parece muito bom!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  4. Oi Ane!!!
    Que saudade de você <3 Então, eu vou na Bienal no domingo (dia 5), porque talvez trabalhe no sábado, PORÉM, vou tentar ir no sábado para encontrar a Pam do Interrupted Dreamer, se eu conseguir, eu te mando mensagem <3
    Agora voltando para a resenha, você sabe que essa série está na minha lista há muito tempo, porém agora que estou nessa fase de leituras mais fantásticas, está ainda mais propício a eu me aventurar nela. Tomara que goste tanto quanto você!
    Beijos
    https://estante-da-ale.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Eu não conhecia a série, mas o desenrolar dela parece ser legal. E horrível quando a série termina de um jeito que a gente fica frustrado e querendo reescrever haha

    Bjao,
    Querida Cretina

    ResponderExcluir
  6. Oie, tudo bem?!
    Adorei seu post, mas infelizmente não é muito meu tipo de leitura preferida, vou deixar passar dessa vez!
    Blog Entrelinhas

    ResponderExcluir
  7. Uau, ainda não tinha visto nada sobre esse livro e fiquei super entusiasmada para conhecer. Já anotei a dica!

    www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
  8. Olá, Ane.
    Eu comprei essa série por causa das suas resenhas hehe. Mas só li os dois primeiros até agora. Vou comprar esse e tentar ler todos que faltam de uma vez. Que pena que o livro não foi tudo o que você esperava. Por isso é ruim ter altas expectativas a respeito de algum livro. Mas como não tê-las, principalmente quando é de uma história que gostamos tanto.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  9. Oi Ane,
    Não simpatizo muito com o gênero, então é uma série que não é uma prioridade para o momento. Mas, acho bacana o sucesso que faz e só li elogios sobre a autora na Flipop. Uma pena que a leitura tenha sido cheia de altos e baixos, mas que no fim te satifez.

    até mais,
    Nana - Canto Cultzíneo

    ResponderExcluir
  10. Oi, Ane!
    Menina, então.. sua resenha me representou muito quando terminei de ler. Eu sabia que seria um final feliz para todo mundo e achei que ficou tudo muito corrido, principalmente nos plots da Lucia e Amara. Mas no fim das contas, eu avalio a série como o todo e amo demais, deixando saudades.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  11. Oi Ane! Esta série é incrível e tive a chance de ver a autora na Flipop. Tomara que logo tenhamos mais livros dela aqui. Te vejo na Bienal? Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  12. Oi, Ane!

    Uma pena a autora ter decepcionado com a história logo no volume final. Ao menos o longo da série valeu a pena, mas compreendo sua frustração, é mesmo muito ruim criar expectativas sobre uma história que a gente nutre tanto carinho :(

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com

    ResponderExcluir

Instagram

© 2010 - 2018 My Dear Library • Livros, divagações e outras histórias. Tema desenvolvido com por Iunique - Temas.in