Mostrando postagens com marcador Kim Edwards. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Kim Edwards. Mostrar todas as postagens
26/02/2012

Lago dos Sonhos por Kim Edwards

Lago dos Sonhos por Kim Edwards.                                                                                                       

Ficha Técnica:

Editora: Arqueiro
Autor: Kim Edwards
ISBN: 9788580410044
Ano: 2011
Edição: 1
Número de páginas: 336
Classificação: 3 estrelas
Onde Comprar: FNAC, Livraria Cultura, Livraria Saraiva, Livraria da Travessa, SubmarinoCompare os Preços.


Sinopse:                                                                                             

Às vezes o passado esconde segredos capazes de transformar nossas vidas.

Lucy Jarrett é uma jovem de espírito aventureiro que, depois da morte do pai, saiu de casa para cursar a faculdade e, desde então, não teve mais pouso certo. Bem-sucedida em sua carreira, ela vai aonde à vida a leva, sempre pulando de um país para outro, de um bom emprego para outro ainda melhor. De repente ela se vê estagnada: morando com o namorado no Japão, Lucy não consegue arrumar trabalho e a relação deles está visivelmente abalada. Ao saber que sua mãe sofreu um acidente sem gravidade, Lucy decide ir visitá-la em Lago dos Sonhos. Lá descobre que a mãe está pensando em vender a propriedade da família e que seu namorado da adolescência tem um filho e um próspero ateliê de fabricação de vidro. Diante dessas mudanças, Lucy precisa enfrentar a realidade: apesar de ter ido embora e por muito tempo ter julgado aqueles que ficaram ela é que nunca conseguiu superar o trauma causado pela morte do pai. A descoberta de um bilhete e de outras pistas lança luz sobre uma parte da família até então desconhecida: uma antepassada sufragista que, por alguma razão, abandonou sua única filha e se envolveu com um artista famoso na época. Intrigada com a história dessa mulher e com os motivos pelos quais sua existência nunca fora mencionada, Lucy sai em busca da verdade que até então permaneceu oculta. O que ela vai descobrir mudará para sempre a percepção que tem de sua família, da morte do pai e de sua própria vida.

Resenha:                                                                                                                                                

Esta resenha vai ser complicada, bem complicada. Não gosto quando sou obrigada a escrever uma resenha em que os pontos negativos do livro se destacam mais que os positivos, mas tenho que ser sincera com meus leitores. O livro em si não é ruim como um todo, mas o maior problema foi o ritmo da narrativa e personagens apáticos que resultaram em uma leve decepção.

Quando li a sinopse de Lago dos Sonhos pensei que o livro seria eletrizante de começo ao fim. Afinal uma mocinha com espírito aventureiro, um grande mistério familiar e um ex-namorado que ressurgi do “nada” é um enredo e tanto, não concordam? Infelizmente não foi bem assim.

Para começar a busca de Lucy por sua antepassada se torna uma obsessão.  Tanto que em meu ponto de vista a grande mocinha da história não foi Lucy e sim Rose. A tia-avó completamente ocultada das histórias de família, que participou do movimento a favor do voto feminino, teve uma filha que também foi ocultada dos álbuns familiares e que aparentemente foi à grande inspiração de um artista na criação de belos vitrais. Sim concordo que esses fatos são curiosos e qualquer um gostaria de descobrir o que fosse possível para saber, o porquê Rose e sua filha Iris foram varridas da história da família Jarrett.  O problema foi com a autora colocou isso na história.

Lucy dorme pensando em Rose, acorda pensando em Rose, interrompe o clima de romance para falar de Rose.  Sabe fica nisso o tempo todo, e parece que você lê e lê, e a história não sai do lugar. Não viu Lucy tentando fazer as pazes com sigo mesmo e seu passado, não vi Lucy vivendo um belo Déjà vu com o ex-namorado, só vi Lucy querendo descobrir quem foi Rose e descrevendo vitrais. Alias o exagero em descrever detalhes que não agregam em nada a história é mais um dos motivos que leva o livro a ser desgastante.

Você vê a historia de Rose ser descoberta a cada capítulo, quando a vida da própria Lucy, que tinha tudo para ser uma das melhores mocinhas dos últimos tempos na literatura, não andar não sair do lugar.  Lucy é egoísta, mimada e chata demais, sinceramente não é nada fácil gostar dela. O que me manteve firme e forte até o final do livro era a esperança que em algum ponto da história alguma coisa realmente fantástica ia acontecer. Mas não aconteceu, na verdade o sumiço repentino de Keegan o ex que prometia colocar fogo na história foi totalmente inaceitável.  Como um personagem “importante” some na narrativa, e só é citado no último capítulo?

Ao reler a sinopse percebo que Kim Edwards teve muitos caminhos para seguir ao desenvolver o enredo do livro, mas pelo menos para mim, ela escolheu o caminho errado. Mesmo agora sinto aquela sensação irritante de que faltou alguma coisa, que poderia ser melhor e de que sinopse é uma grande ilusão.

O livro não é de todo ruim. A diagramação e revisão da editora Arqueiro estão de parabéns!  A capa é linda e gostei muito do fato da autora ter misturado passado e presente colocando isso dentro de um contexto histórico importante, apesar de que a história toda tenha tomado um caminho entediante isso pelo menos foi legal. A forma com que Lucy descrevia a beleza e a magia do lago realmente me fez imaginar ele como um Lago dos Sonhos. E mesmo o final sendo previsível foi bonito.

Recomendo o Lago dos Sonhos para as pessoas que estão passando por momentos de dúvidas e incertezas na sua vida. Que estão buscando respostas ou estão naquele impasse de ter que tomar uma decisão que pode mudar toda a sua vida. Como um livro de alto-ajuda ele funciona bem, mas como forma de lazer infelizmente não convence.



Instagram

© 2010 - 2020 Ariane Gisele Reis | My Dear Library • Livros, divagações e outras histórias. Tema desenvolvido com por Iunique - Temas.in