Sponsor

Mostrando postagens com marcador O Lado Feio do Amor. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador O Lado Feio do Amor. Mostrar todas as postagens
novembro 26, 2015

O Lado Feio do Amor por Colleen Hoover

| Arquivado em: RESENHAS.

ISBN: 9788501105738
Editora: Galera Record
Ano de Lançamento:  2015
Número de páginas:  336
Classificação:
Onde Comprar: Submarino.
Sinopse: Quando Tate Collins se muda para o apartamento de seu irmão, Corbin, a fim de se dedicar ao mestrado em enfermagem, não imaginava conhecer o lado feio do amor. Um relacionamento onde companheirismo e cumplicidade não são prioridades. E o sexo parece ser o único objetivo. Mas Miles Archer, piloto de avião, vizinho e melhor amigo de Corbin, sabe ser persuasivo... apesar da armadura emocional que usa para esconder um passado de dor.O que Miles e Tate sentem não é amor à primeira vista, mas uma atração incontrolável. Em pouco tempo não conseguem mais resistir e se entregam ao desejo. O rapaz impõe duas regras: sem perguntas sobre o passado e sem esperanças para o futuro. Será um relacionamento casual. Eles têm a sintonia perfeita. Tate prometeu não se apaixonar. Mas vai descobrir que nenhuma regra é capaz de controlar o amor e o desejo.

Confesso que tinha um pé atrás com a autora Colleen Hoover, já que fui uma das poucas pessoas que conheço que não caiu de amores por Métrica. Porém depois que li a resenha da Cida do Moonlight Books, do livro O Lado Feio do Amor, fiquei bastante curiosa para conhecer a história. Por isso mais uma vez passei a frente na minha meta de leitura, um livro que não estava nela. E como vocês já puderam perceber valeu a pena cometer essa pequena “travessura”.

Miles Archer é um jovem e belo piloto de avião que passou os últimos seis anos assombrado pelos fantasmas do passado. Miles se fechou para o mundo e principalmente para o amor. Ele acredita que não é mais capaz de amar ninguém e por isso faz de tudo para se afastar desse sentimento. À noite em que ele e Tate Collins se conhecem é apenas um bom exemplo de como ele deixou que a amargura tomasse conta do seu coração e de sua vida.

Tate é a irmã caçula de Corbin, amigo e vizinho de Miles, que por necessidades financeiras precisa passar um tempo no apartamento do irmão enquanto cursa seu mestrado em enfermagem. Tate não é uma jovem inexperiente quando o assunto é relacionamentos, por isso ela logo percebe que a atração que sente por Miles pode ser perigosa para o seu coração. Afinal Miles faz questão de deixar bem claro que não está em busca de um grande amor. Ele quer um relacionamento casual, sem perguntas a respeito do seu passado e muito menos planos para o futuro.

Porém quando duas pessoas se tornam muito próximas, acordos e regras podem ser facilmente quebradas e mudadas. Será Tate capaz de romper a muralha que Miles construiu em volta de si, fazendo o jovem piloto voltar a acreditar no amor? Ou ela sairá dessa relação arruinada e com seu coração partido? Tate descobrirá que amar, nem sempre acaba sendo uma experiência boa para algumas pessoas. Ao contrário, pode ser algo sombrio e triste deixando cicatrizes profundas demais em quem conhece esse lado “feio do amor”.

Sabe aquele livro que você ama e odeia ao mesmo tempo? Pois bem, nesse momento esse livro para essa que vos escreve é O Lado Feio do Amor.  Mas, antes que vocês achem que estou "maluca", vou explicar os motivos para tamanha confusão de sentimentos nesse meu coração de leitora. Vamos começar pelo fato que eu praticamente devorei o livro. Li ele em apenas um dia tamanha era a minha necessidade de decifrar o introspectivo Miles e de ver a Tate colocando ele e suas regras egoístas no seu devido lugar.

Só que em muitos momentos odiei a forma “passiva” com Tate aceita o que Miles quer dar a ela. Odiei quando mesmo sabendo que poderia terminar com o coração partido ela continuou insistindo na relação.  Odiei que Tate tenha se “humilhando” por migalhas de atenção sabendo que era exatamente isso que ela estava fazendo, - se humilhando. Mas, eu amei a sua coragem de jogar as verdades na cara do Miles quando era necessário. Amei quando a ela seguiu em frente quando foi preciso e principalmente por ela não ter desistido dele

Odiei o Miles por ter deixado que o seu passado quase o destruísse. Odiei quando ele se fechava e agia como um cafajeste. Odiei quando ele dava falsas esperanças para Tate e para mim. Odiei pensar nele muitas vezes como um covarde egoísta. Porém, todo esse enigma que é Miles Archer me fez ama-lo e querer cuidar dele também. Colleen Hoover não escreveu uma história “bonitinha” aqui. O Lado Feio do Amor possui uma narrativa fluida e intensa em que autora soube como trabalhar as fraquezas dos personagens para criar uma história triste, melancólica e acima de tudo tocante.

Gostei de ver como Tate e Miles se aproximaram e se envolveram mesmo achando que a principio o relacionamento dos dois não era algo muito saudável para ela. Gostei como a autora foi revelando o passado de Miles, trazendo a tona os acontecimentos que o tornaram o homem triste, amargurado e com tanto medo de amar que Tate conhece. Os personagens secundários também tem um papel importante no desenvolvimento da história em especial o fofo do Corbin e o Cap, pois ambos a sua maneira deixaram a narrativa mais interessante.

Todos esses elementos fazem do O Lado Feio do Amor um livro que nos conquista aos poucos.  A autora soube trabalhar com a sensualidade na relação dos dois sem deixa-la vulgar, enquanto a cada capitulo ia deixando tudo mais tenso e dramático. Esse foi aquele livro que fez meu coração andar por uma corda bamba de sentimentos e sensações. Eu pressentia que tudo podia ruir de uma hora para outra e quando isso aconteceu meu coração se partiu junto. Foi triste, feio, belo e libertador. Tudo ao mesmo tempo e com a mesma intensidade.

“O amor nem sempre é bonito, Tate. Algumas vezes você gasta todo o seu tempo esperando que finalmente algo seja diferente. Algo melhor. Então, antes que você saiba você está de volta ao primeiro quadrado, e você perdeu seu coração em algum lugar do caminho.”

O Lado Feio do Amor é um livro que fala de dor, de perdas, de medos e recomeços.  E por mais clichê que possa parecer, ele consegue emocionar mesmo você odiando e amando tudo nele.  Mesmo que não concorde com nada e ache que tudo está errado, você ainda assim vai torcer por um final feliz. Recomendo!

Instagram

© 2010 - 2021 Blog My Dear Library | Ariane Gisele Reis • Livros, Música, Arte, Poesias e Sonhos. Tema desenvolvido com por Iunique - Temas.in