Paixão por Nicole Jordan.

15/03/2015

| Arquivado em: Resenhas.

ISBN: 9788542201611
Editora: Essência.
Ano de Lançamento: 2013
Número de páginas: 400
Classificação: Bom
Onde Comprar: Livraria Cultura, Livraria Saraiva, Submarino - Compare os Preços.
Sinopse: Notorious – Livro 02.
A bela e sensual Aurora Demming acaba de perder o seu prometido e para garantir seu futuro, seu autoritário pai arranja-lhe um casamento de conveniência com um homem bem mais velho que ela. Com o fim de espantar a tristeza da sua vida, viaja às Ilhas Britânicas Ocidentais onde conhece Nicholas Sabine, um perigoso e sedutor americano condenado à forca por assassinato e pirataria com quem faz um estranho pacto. Aurora aceita se casar com o enigmático estrangeiro e tornar-se tutora de sua meia-irmã para fugir do acordo paterno. Há porém outra condição essencial, é preciso legitimar a união dos dois e para isso, a angelical donzela deverá realmente consumar a noite de núpcias, um breve espaço de tempo no qual o encantador Nicholas mostrará a Aurora parte dos segredos voluptuosos de dois corpos em um mesmo leito. Viúva, de volta à sociedade inglesa e com a irmã de Nicholas sob a sua responsabilidade, ela inicia uma nova vida, independente mas desprovida de amor.

Que romance histórico é um dos meus gêneros favoritos já não segredo para ninguém que acompanha o blog há mais tempo. Por esse motivo depois que li e adorei Sedução da Nicole Jordan, fique extremamente curiosa para ler outras obras da autora. E talvez esse excesso de ansiedade de minha parte, tenha sido o meu maior erro. Não que Paixão tenha sido uma leitura de todo ruim, a bem da verdade é que ela possui uma narrativa “morna”. Daquelas que surgem para nos lembrar de que é sempre bom não ir como muita sede ao pote.

Após a morte de seu noivo, Aurora Demming decidi passar o período de luto com alguns familiares nas Ilhas Britânicas Ocidentais. Durante um passeio com o seu primo Percy ela esbarra com o enigmático Nicholas Sabine, um pirata americano que estava sendo condenado à forca acusado de diversos crimes contra a coroa inglesa. De imediato a jovem Lady Aurora se sente atraída pela personalidade sedutora do pirata. Afinal como uma dama criada da alta sociedade, era a primeira vez em que ela se deparava com um homem de uma beleza tão “rude”.

Nicholas também se sente encantado pela delicadeza de Aurora, porém como um condenado ele tinha outras preocupações em mente. Nicholas precisava pensar em um modo de garantir a segurança de sua meia-irmã Raven. Então quando Aurora demonstra por ele uma compaixão inesperada, uma solução impensável se apresenta. Ele propõe a Aurora um casamento de apenas uma noite.  Com isso ela se tornaria a tutora legal de Raven e ainda conseguiria adquirir a sua tão desejada independência.

Mesmo receosa Aurora aceita a proposta e um dia antes da execução de Nicholas eles se casam. Mas para o casamento ser válido sem sombra de dúvidas o mesmo precisava ser consumado. E em apenas uma noite Nicholas Sabine está disposto a mostrar todos os prazeres carnais a Aurora para depois desaparecer da sua vida para sempre. Porém, como muitas vezes acontece, o destino costuma nos pregar peças.

A premissa de Paixão apesar de clichê é bem interessante. E acreditem, - o problema não foi a história. Nicole Jordan sabe como mesclar romantismo com sensualidade sem deixar a narrativa vulgar. O problema aqui, ao mesmo comigo foi com a personagem principal (...). Permitam-me um pequeno desabafo. Uma das coisas que mais me estressam é gente que fica fazendo “docinho” para as coisas. Sabe do tipo que fica, “não quero, não quero, não quero”, quando no fundo quer e muito? É exatamente assim que a Aurora se comporta praticamente o livro todo. Fazendo docinho.

Além disso, achei alguns diálogos repetitivos. E mesmo a autora intercalando eles com algumas cenas mais quentes, até essas depois de um período passaram a ser o mais do mesmo.  E com o tempo essa “infinita” repetição de tudo foi deixando a narrativa um pouco cansativa. O final é bem previsível, fofinho e tudo mais, e justamente por esse motivo fiquei me perguntando o porquê de tanto “drama”. Sério não tinha necessidade (...).

Gostei de como a história começou e acredito que se em determinados momentos a autora tivesse explorado outros pontos do enredo que poderiam ser mais interessantes, ao invés de só ter focado no casal principal, as coisas poderiam ter sido diferentes. Queria ter gostado mais do que gostei. Queria ter me envolvido mais com a história do que me envolvi. Queria não sentir a frustrante sensação que faltou alguma coisa. Mas, infelizmente não foi isso que aconteceu (...). Uma pena.

“Eu jamais quis encontrar um amor assim – uma paixão intensa. O tipo que domina e faz perder o controle. Mas não tive escolha. Não depois que encontrei você.”

Em suma Paixão é uma boa leitura, desde que você não crie muitas expectativas (erro que essa que vos escreve cometeu). Não chega a surpreender, mas é uma alternativa válida para está em busca de uma história mais leve.

Veja também:
Sedução.

Comentários via Facebook

10 comentários:

  1. Oi Ane!
    Gostei muito da resenha. Por não se tratar de um livro espetacular, acho que eu não encararia as 400 páginas.
    Também detesto personagens "manhosos" e que ficam de docinho. Não é porque a personagem é a mocinha da história - mesmo num romance histórico - que ela precisa ser sonsa. :(
    Pena que a leitura não foi bem o que você esperava, Ane!
    Beijos,

    Priscilla
    http://infinitasvidas.wordpress.com

    ResponderExcluir
  2. Oi Ane! Eu gostei deste livro e mais do que Sedução, talvez por não estar com as expectativas lá em cima, já que do anterior eu tinha esperado muito, mas eu gosto da série no todo, apenas um deles foi uma leitura complicada. Aguardo ansiosa a publicação do último por aqui, acho que será em Maio.


    Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  3. Olá, Ane.
    Acabei de ler um livro que sentir algo em próximo do que você me pareceu sentir ao ler esse livro.
    Não foi uma leitura arrastada ou totalmente ruim de forma geral, mas acabou que sendo o tipo de livro que eu só recomendaria para passar o tempo, algo para se ler sem criar expectativas,
    Até mais. http://realidadecaotica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. oi flor, eu tenho muita vontade de ler algo da autora, só que não sei se leria por agora, seus comentários ja me deixaram de pé atrás
    Quando der, de uma passada no blog, adorarei sua visitinha!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi Ane, tudo bom?
    Eu também gosto de romances históricos, mas leio pouco e sinto falta da leveza dessas histórias. Eu já tinha visto esse livro entre os livros do catálogo da Planeta e fiquei com vontade de ler. Tem um desenvolvimento clichê, mas fiquei interessada na leitura. Mas, pela sua resenha, já sei que não devo criar tantas expectativas.
    Ah...ninguém merece personagem que fica fazendo doce.
    Beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oi Ane, infelizmente nem todas as leituras são como a gente espera, né? E acredito que quando a gente espera é que é o problema. Mesmo o livro não tendo sido ruim, a gente sempre quer que nossas leituras sejam inteiramente aproveitadas.

    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Oii

    Acho que os romances acabam enjoando por sempre apresentar a mesma "fórmula" e por se preocupar muito em os personagens serem extremamente belos. Sempre que leio a sinopse de um romance os personagens são descritos como lindos e maravilhosos e as outras qualidade ficam meio que de lado. Essa preocupação em criar personagens perfeitos está cansando um pouco.

    O Outro Lado da Raposa

    ResponderExcluir
  8. Oi, Ane!
    Hahahahaha... Sei bem como deve irritar esses "docinhos" que a protagonista comete! Eu não gosto também e acho que me irritaria também.
    Ainda assim, quero ler o livro. Como você sabe, adoro romances e principalmente quando tem finais fofinhos.
    Gostei de saber sua opinião.
    Abraço!

    "Palavras ao Vento..."
    www.leandro-de-lira.com

    ResponderExcluir
  9. Não conhecia a autora, e me interessei pelo livro. Talvez não goste tanto pois li na sua resenha que a protagonista Aurora fica fazendo doce e isso me irrita muito em uma protagonista, sempre prefiro as que tenham personalidade forte. bjs

    http://sobangulos.blogspot.com.br/2015/03/resenha-ladra-de-corpos.html

    ResponderExcluir
  10. Oi Ane =)
    Ainda não li nada da Nicole Jordan, mas também adoro romance histórico e acho que iria gostar desse livro, sabendo que é um livro leve para ler. É uma pena ele não ter correspondido com suas expectativas.

    BeijOs!!!
    @jannagranado
    @lpdiversao
    http://livrospuradiversao.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

My Dear Library • Todos os Direitos Reservados • Copyright © 2010 - 2017 • Powered by Blogger • Design por Ariane Reis • Desenvolvimento por