Tudo tem seu tempo.

05/05/2017

| Arquivado em: DIVAGANDO.

imagem: Shutterstock
Quando eu tinha quinze anos li um texto interessante que dizia que as pessoas passavam 45% do tempo lamentando o passado e 45% do tempo planejando o futuro. O que fazendo uma conta rápida me revelou que, apenas 10% de todo o nosso tempo na Terra era gasto vivendo o presente. Lembro que na época achei isso um absurdo, afinal como podíamos desperdiçar tanto tempo entre o passado e o futuro e nos esquecer do mais importante, - viver o agora.

E como a minha mania de divagar é antiga, escrevi um longo texto sobre isso na minha agenda. A Ariane idealista de dezessete anos atrás queria ser uma pessoa diferente dessas que vivem na corda bamba entre os ecos do passado e os planos para o futuro. E com toda certeza, hoje nesse momento, sei ela ficaria um pouco decepcionada consigo mesma (...).

Posso culpar o tempo? Afinal foi ele que me permitiu ter tempo livre para pensar em todos, os “e se e serás” de minha vida. Tipo: Será que se eu tivesse falado para  meus pais o bullying que sofria no colégio, hoje seria uma adulta sem tantos complexos e medos? E se eu tivesse ouvido meus pais e escolhido outra carreira, seria uma profissional mais feliz e bem sucedida? Ou, como será que a minha vida estaria hoje, se eu tivesse dito sim ao invés de não as oportunidades que tive de mudar as coisas?

Gosto de pensar na teoria do multiversos e imaginar que para cada uma dessas perguntas que às vezes me atormenta quando vou dormir, que em algum Universo paralelo eu tomei uma decisão diferente e menos idiota. Admita, essa é uma ideia realmente reconfortante.

O problema é que ao ficar relembrando e lamentando cada coisa que deu errado em minha vida, entro naquele loop automático de como planejar  um "futuro feliz" em que não vou errar. E sim, não nego gosto de ter as coisas planejadas, aquela maravilhosa sensação de estabilidade. Afinal de contas eu sou taurina, e taurinos são conhecidos universalmente por serem pessoas práticas, estáveis e resistentes às mudanças.

Talvez eu deva culpar meu signo ao invés do tempo. Mas então me lembro de que como estudante de astrologia (me julguem) sou muito mais que Sol em Touro na casa 10, e que o fato da minha lua está em Sagitário na casa 06 com Urano retrógrado faz de mim uma confusão de sentimentos e emoções ambulantes. Mas estou divagando (...), o fato é que desde 2015 estou precisando me adaptar às mudanças bruscas de planos. Há coisas que tinham tudo para dar e estavam dando certo e do nada andaram pra trás.

E vou culpar quem? Deus, o Universo, o destino, o carma, o Temer? Já passei por essa fase, aqueles dias sombrios que levantar da cama era difícil, comer era difícil, respirar, viver (...). Acredito que todo mundo que já chegou ao fundo do poço, sabe como é a sensação de achar que não tem mais força para seguir em frente. De se olhar no espelho e só ver os erros do passado e tudo aquilo que não conseguiu realizar.

Quando lembro desses meus dias sombrios, penso no quando decepcionei o meu eu de quinze anos, pois enquanto ficava com um pé na melancolia do passado e outro na ilusão do futuro perfeito, esqueci da única coisa que ela me pediu, - viver o presente de forma plena.

As coisas na minha vida ainda estão de ponta cabeça, mas hoje ao contrário de um ano atrás não estou mais tão preocupada com o dia de amanhã. Adotei o mantra “Um dia de Cada Vez”, e sei que parece blá,blá,blá de grupo de autoajuda, mas uma das coisas mais importantes que aprendi é que tudo tem seu tempo. Anote isso na sua agenda, por que essa é uma das verdades absolutas da vida, - Tudo tem seu tempo.

Tempo para ficar triste e juntar os pedaços. Tempo para planejar as coisas em curto prazo. Tempo para se ajustar as mudanças que a vida nos impõe. Só que independente do tempo que você está o passando lembre-se que tudo é passageiro. Do mesmo modo que a felicidade não é eterna a sua dor também não vai durar para sempre. Que aquilo que separa o passado, presente e o futuro é um milésimo de segundo, e por incrível que pareça em nossa vida isso faz uma diferença enorme com passar dos anos. 

Aproveite mais o presente e deixei as coisas que te machucaram lá trás onde é o lugar delas. Por que certas ou erradas são as suas escolhas que fazem de você quem você é hoje, e foram elas te trouxeram até aqui. Já o futuro é um Universo cheio de possibilidades, só precisamos saber enxerga-las para não perder as pequenas oportunidades, os grandes presentes quando eles surgem.

Comentários via Facebook

18 comentários:

  1. Amei seu texto, parei por um momento para pensar e vi que minha vida está dividida entre o passado e futuro e não estou vivendo meu presente. Abriu meus olhos.
    Acho tão triste não vivermos algo e nos arrependermos depois
    Beijos
    http://lolamantovani.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi Ane, tudo bom?
    É assustador o quanto hoje em dia é tudo focando no futuro, no que precisamos fazer, no quão bem sucedidas precisamos ser, no quanto temos que ter tudo planejado ou então parece que o caos vai cair sobre nossas vidas. É uma pressão tão tão ruim e ultimamente eu tenho me deixado escapar dessa ideia, porque ela é prejudicial demais.
    Precisamos viver o presente, aproveitar o presente. Como diria a tartaruga do Kung Fu Panda, o presente é uma dádiva <3
    Ótimo texto!

    Beijos,
    Denise Flaibam.
    www.queriaestarlendo.com.br

    ResponderExcluir
  3. "Tempo para ficar triste e juntar os pedaços. Tempo para planejar as coisas em curto prazo. Tempo para se ajustar as mudanças que a vida nos impõe. Só que independente do tempo que você está o passando lembre-se que tudo é passageiro" que lindo ler isso Ane, simplesmente inspirador e bem vindo principalmente para o momento ao qual estou passando!
    sinceramente, obrigada!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. oláá! tudo bem?
    nossa, adorei o seu texto! super me identifiquei.. fico pensando e repensando as coisas mil vezes, imaginando como poderia ser e como devia ser.. por causa disso, sou até muito ansiosa.. mas realmente, tudo tem o seu tempo né..
    mas agora.. como assim você estuda astrologia? achei o máximo!!
    beeijo

    https://lecaferouge.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Ooi Ane adorei o texto, me identifiquei bastante comigo a dois anos atras que vivia preocupada com o passado e esquecia de viver e aproveitar o presente.
    beijinhos bom final de semana
    bellapagina.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Oi Ane, sua linda, tudo bem?
    Achei muito corajoso da sua parte vir aqui e falar de você, de já ter sofrido bullying e como isso te afetou. Gostaria de lhe dizer obrigada por compartilhar. Viver o presente, por mais óbvio que possa parecer é muito difícil. Pois para ter um futuro diferente, você se pega olhando para o passado, para tentar mudar suas escolhas. Você se preocupa com o futuro, por causa do presente e o presente só é o que é por causa do passado. Precisamos confiar, ter fé, só assim podemos viver o presente sem olhar mais para o passado e para o futuro. Um dia de cada vez? Cm certeza!!! Adorei seu texto.
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Olá, Ane.
    Que texto lindo. E falou só verdades. Eu tenho procurado viver o agora. Mas de vez em quando me pego pensando muito no passado. O futuro não me incomoda tanto, mas as vezes fico nessa do e se?

    Prefácio

    ResponderExcluir
  8. Lindo texto, Ane. As vezes eu paro e me pergunto se eu criança teria orgulho de mim agora. Se eu sou alguém que gostaria que meu filho se espelhasse. São perguntas que me atormentam e que continua sem resposta.

    Vidas em Preto e Branco

    ResponderExcluir
  9. Oi Ane! Que texto verdadeiro e que nos faz pensar sobre como agimos. Lindo! Parabéns pelo seu niver. Muitas felicidades!

    Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  10. Oi, Ane!
    Adorei o texto. Consegui me identificar bastante.
    As vezes me sinto estagnada, planejando um futuro que não chega e repassando os erros do passado, o presente acaba sendo esquecido.
    Vou colocar em pratica o seu conselho e aproveitar mais o meu presente.

    Beijos
    construindoestante.blogspot.com.br || Concorra a um vale presente de R$40,00

    ResponderExcluir
  11. Ai Ane..
    Se eu fosse culpar meu signo eu poderia dizer se medo que passo mais de 70% do meu tempo me lamentando pelas escolhas que eu fiz rs..
    Eu estou tentando mudar aos poucos. viver o presente..
    Eu amei o seu texto e espero que vc esteja bem

    ResponderExcluir
  12. Ai Ane. Eu amei seu texto, pior que fico assim o tempo, tenho sintomas depressivos até hoje por causa disso, me antecipo demais para as coisas e esqueço que preciso do agora para elas acontecerem ;-; aos poucos tô conseguindo lidar com isso. Amei mt o texto

    bjs, Carol | Espilotríssimo
    www.carolespilotro.com

    ResponderExcluir
  13. Aneeeee,
    Eu tenho problemas com ansiedade. Então eu preciso mentalizar que tudo tem seu tempo quase todos os dias, rs.
    Minha fé ajuda, sabe? Consegui melhorar e muito. Antes era difícil até sair de casa.
    Seu texto é inspirador, de coração.
    Beijos
    https://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Oi Ane,
    Gostei muito do texto, acho que é o mais importante é viver o presente. Sempre vamos fazer escolhas que vamos julgar futuramente, mas isso faz parte da vida mesmo.
    Bjs e um bom Domingo!
    Diário dos Livros
    Siga o Instagram

    ResponderExcluir
  15. Oi, Ane!
    Eu amei seu texto e super concordo. Tem tanta gente vivendo no passado ou só pensando no futuro que esquece de aproveitar o agora. Aí depois fica se lamuriando pelos cantos dizendo que não aproveitou a vida.
    Adorei saber que você estuda astrologia. Eu acho o máximo!
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  16. Oi Ane, tudo bem?
    Gostei muito da reflexão!
    Acho que todos ficamos com o "e se?" entalado na garganta vez ou outra.
    Sou muito ansiosa, então estou me esforçando pra não fazer mais essa pergunta. Afinal, não existe "e se", já que nunca sabemos 100% como os caminhos seriam.
    Beijos,

    Priih
    Infinitas Vidas

    ResponderExcluir
  17. Eu adoro so textos que você coloca no blog, muitas vezes eles falam muito de mim e do que eu penso e não é pra menos porque você escreve muito bem!
    http://b-uscandosonhos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Deixamos a correria do dia a dia nos levar. Também estou nessa de um dia de cada vez. E assim quero continuar e ensinar aos meus filhos também!
    Muito tocante seu texto Parabéns!
    Maíra Perotti
    Blog: www.sorriacinderela.com

    ResponderExcluir

My Dear Library • Todos os Direitos Reservados • Copyright © 2010 - 2017 • Powered by Blogger • Design por Ariane Reis • Desenvolvimento por