17/01/2018

Tudo Junto e Misturado por Ann Brashares.

| Arquivado em: RESENHAS.

Este livro foi recebido como
cortesia para resenha.
ISBN: 9788555340505
Editora: Seguinte
Ano de Lançamento: 2017
Número de páginas: 336
Classificação: Muito Bom
Sinopse: Sasha e Ray sempre passam o verão na velha casa de férias da família. Desde pequenos, os dois dividiram muitas coisas — leram os mesmos livros, correram pela mesma praia, comeram pêssegos colhidos na mesma fazenda, tomaram café da manhã sentados à mesma mesa. Até dormiram na mesma cama, mas nunca ao mesmo tempo. Afinal, eles jamais se encontraram. O pai de Sasha um dia foi casado com a mãe de Ray, e juntos tiveram três filhas: Emma, Quinn e Mattie. Mas o casamento acabou, deixando para trás apenas rancor e ressentimentos. Os dois casaram de novo e formaram novas famílias, mas nenhuma delas pretende desistir da casa de praia, muito menos compartilhá-la. Até este verão. As vidas de Sasha e Ray estão prestes a se cruzar — e, com tudo junto e misturado, as famílias vão mudar para sempre.

Ao iniciar a leitura de Tudo Junto e Misturado da autora Ann Brashares, essa que vos escreve não tinha a menor ideia do que ia encontrar. Porém, logo nas primeiras páginas já percebi que em minhas mãos uma história de uma beleza complexa e ao mesmo tempo singela, assim como são nossos relações com as pessoas que amamos.

Ray e Sasha desde pequenos dividem muitas coisas. O quarto de na velha casa de verão da família, os livros, o trabalho e as três irmãs mais velhas, frutos do primeiro casamento da mãe de Ray, Lila com o pai de Sasha, Robert. Porém apesar de dividirem tantas coisas, o dois nunca se encontrado pessoalmente. Afinal o fim do relacionamento antigo deixou uma sombra de ressentimentos e magoas que tornou qualquer proximidade entre as duas famílias impossível. Só que de algum modo Sasha sente que ninguém a conhece tão bem como Ray. E Ray por sua vez também sente essa estranha conexão com Sasha. 

Por anos Emma, Quinn e Mattie conseguiram se dividir entre as duas famílias, em uma espécie de vida dupla em que ao invés de dividir buscavam somar para os dois lados. Mas nesse verão as coisas estão diferentes obrigando a todos a ceder e conviver juntos mesmo que seja uma trégua temporária. Quando segredos do passado até então enterrados surgem na superfície e uma tragédia abala a todos, os caminhos de Sasha e Ray finalmente se cruzam. Mas será que Lila e Robert estão dispostos a deixar o rancor de lado pela felicidade dos filhos?

Tudo Junto e Misturado, possui uma narrativa simples e fluida que assim como o próprio título diz nos apresenta uma miscelânea de pontos de vistas, pensamentos e emoções diferentes. A princípio achei que Ann Brashares ia intercalar a narrativa entre a Sasha e o Ray, mas embora o começo possa parecer "confuso", gostei do fato da autora ter dado voz a todos os personagens na construção da narrativa. Isso não somente os deixaram mais reais durante a leitura, como também ajudou a torná-los mais próximos de mim.

E que fique claro que essa não é a história de amor entre a Sasha e o Ray, pois apesar do romance entre eles estar presente de uma forma sutil, o foco aqui é as relações familiares. Ann Brashares foi de uma sensibilidade enorme ao apresentar duas famílias tão desajustadas que precisavam desesperadamente de amor e perdão.

Em vários momentos senti raiva da Lila e do Robert por serem pessoas tão egoístas e mesquinhas, ambos tão apegados as suas dores que não conseguiam enxergar a dor alheia.  Era triste e doloroso perceber como tudo podia ser diferente se alguém cedesse nem que fosse um pouco.

A complexidade, assim como todo o ressentimento existente no relacionamento dos dois permeia toda a narrativa de modo que é visível que a divisão entre as famílias ajudou a formar o caráter e as inseguranças dos filhos do casal. Tudo Junto e Misturado é um lembrete a todos que relacionamentos nem sempre são eternos, mas o modo como lidamos com o fim deles afeta não somente a nós, me sim todos em nossa volta.

Posso até não ter me emocionado ao ponto de derramar lágrimas pela obra. Até por que, apesar de toda a sua beleza a narrativa de Tudo Junto e Misturado ainda sim peca por sua superficialidade e previsibilidade em alguns momentos. Só que ainda sim, essa foi uma leitura que me levou a refletir sobre o verdadeiro papel da família em minha vida. Além de claro ser um lembrete de como os relacionamentos e a vida são frágeis.

“É uma coisa muito triste da natureza humana. Passamos muito mais tempo pensando no que não temos ou no que perdemos do que pensando no que temos.”

Com uma narrativa despretensiosa, Tudo Junto e Misturado nos mostra a beleza e a fragilidade das relações humanas. Ann Brashares apresenta muito mais do que um romance leve, mas a cada capitulo nos lembra da importância de esquecer as magoas do passado, perdoar e seguir em frente.

Comentários via Facebook

18 comentários:

  1. Amei a resenha. Eu já li um livro da autora e a forma que ela escreve me agradou muito. Esse livro parece ser muito bom e já vou colocar na minha listinha
    Beijos
    lolamantovani.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Olá Ariane, tudo bem?

    Esse é mais um livro que fico conhecendo aqui, já gostei logo de cara, a capa é linda e pela sua resenha vejo que a história também, parabéns pela resenha, ótima dica, vai para a lista de desejados....bjs.


    http://devoradordeletras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Acho que nunca li nada parecido, mas não é que gostei desse enredo? Já quero!!!

    =)

    Suelen Mattos
    ______________
    ROMANTIC GIRL

    ResponderExcluir
  4. Nossa Ariane, fiquei muito interessada na leitura. Essa trama focada nas relações familiares (complexas e problemáticas) sempre rende histórias interessantes e bonitas. Quero ler!

    ResponderExcluir
  5. Oi Ane,

    Não conhecia o livro, mas parece ser uma obra bem marcante.
    Dica que irei anotar.
    Bjs e uma ótima noite!
    Diário dos Livros
    Siga o Instagram

    ResponderExcluir
  6. Oi Ane! Eu tenho vontade de ler algo da autora desde que assisti o filme baseado em uma série de livros dela. Acho que este livro seria o ideal para conhecer a escrita dela, pelo visto a história é bem viva. Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  7. Helloo, Ane! Tudo numa nice?!
    Eu queria ler esse livro há um tempo já, mas não tive oportunidade ainda. Parece sensível e interessante e combina bastante com a vibe do meu momento. Quero ler. Acho que essa mensagem é bem forte de perdoar e seguir em frente. Não é tão simples e talvez por isso as pessoas não estejam acostumadas com isso, mas acho que é necessário e importante para que possamos conviver com nós mesmos.
    Beijin...
    Alana Gabriela | Books and Stuff

    ResponderExcluir
  8. Essa foi uma das minhas leituras do ano passado e eu gostei muito, surpreendeu-me pela positiva, acho que é bom quando vamos para uma leitura sem nenhuma expectativa, coisas boas acontecem! É daquelas histórias que é fácil tentar lembrar e contar a outra pessoa. =)

    MRS. MARGOT

    ResponderExcluir
  9. Oi Ari, que resenha maravilhosa!! Eu achei a trama bem interessante, por isso já até tinha colocado na minha lista de leituras e uma amiga leu e curtiu tb. Saber que é um tanto superficial não me tira a vontade de ler, mas é bom ter isso em mente na hora da leitura.

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  10. Gostei da resenha Ane. Me pareceu ser um livro bem tocante e sensível. Beijo!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
  11. Oi, Ane!

    Pela capa e pelo título eu imaginava que a história tratasse de humor, mas na verdade está mais pra drama. Gostei de saber que o romance não é o foco, e sim as relações fragilizadas entre as famílias. Me interessei bastante pela obra, acho que abre os nossos olhos pras nossas próprias relações com as pessoas, sejam elas da família ou amigos, como uma palavra dita errada pode destruir algo tão bonito, e como sentar e conversar é necessário pra concertar as coisas. Ótima resenha!!

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  12. Oi, Ane!
    Menina, esse livro me lembra muito um filme que eu amava quando criança e tem mais ou menos a premissa. Só que esse livro parece ter um pouco mais de drama na questão da família. Vou dar uma chance pra saber se é parecido mesmo ou é coisa da minha cabeça hahahaha
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  13. Olá, Ane.
    Eu achei a capa muito bonita e o título é muito agradável. Mas não tinha me interessado muito em ler até o momento que você falou sobre as relações familiares. Eu gosto muito de ler histórias que focam nisso e talvez eu leia ele.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  14. Esse livro deu origem ao filme? Pergunto isso porque sei que existe o filme apesar de nunca ter assistido rs Gostei do livro abordar tantos temas familiares!

    www.vestindoideias.com

    ResponderExcluir
  15. I like your blog, its really dope.

    Do you want to follow each other?

    If you want, than follow me, and let me know in comments, so I can follow you back with pleasure.

    We can follow each other on Instagram @dujovicandjela, let me know in the comments so I can follow you back.



    www.bekleveer.com

    xoxo

    ResponderExcluir
  16. Oiii Ane

    Eu estou lendo a série da autora sobre os jeans viajantes e as quatro amigas e estou amando a narrativa dela, futuramente quero ler Tudo junto e misturado também.

    Beijos

    www.derepentenoultimolivro.com

    ResponderExcluir
  17. Egoísmo é algo péssimo.
    Não gosto muito de me deparar com livros com personagens assim, mas ainda sim gostei da obra pela sua resenha.
    Me chamou bastante a atenção.
    Quero conhecer essa narrativa despretensiosa.

    Abraços,
    Natalia
    http://www.revelandosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  18. Oi Ane!
    Eu quase comprei esse livro no final do ano, mas sabe quando você não sabe o que esperar? rs
    Não tinha recomendações dessa obra, mas agora pensando bem... Eu gosto de livros sobre relações familiares e este parece bem sensível.
    Vou ler!
    beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Instagram

© 2010 - 2018 My Dear Library • Livros, divagações e outras histórias. Tema desenvolvido com por Iunique - Temas.in