Mostrando postagens com marcador Cat Patrick. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Cat Patrick. Mostrar todas as postagens
13/01/2013

Deslembrança por Cat Patrick

Deslembrança por Cat Patrick.

• ISBN: 9788580571622
Editora: Intrínseca
Ano: 2012
Número de páginas: 256
• Classificação: 3 estrelas
Onde Comprar: FNAC, Livraria Cultura, Livraria Saraiva, Livraria da Travessa, Submarino - Compare os Preços

Sinopse: “Não tenho passado. Minhas únicas lembranças estão no futuro”.
Toda noite, quando London Lane recosta a cabeça no travesseiro e dorme, cada mínimo detalhe do dia que viveu desaparece de sua memória. Pela manhã, restam-lhe apenas lembranças do futuro: pessoas e acontecimentos que ainda estão por vir. Para conseguir manter uma rotina minimamente normal, London escreve bilhetes para si própria e recorre à sempre fiel melhor amiga. Já acostumada a tudo isso, ela tenta encarar a perda de memória mais como uma fatalidade que como uma limitação. Mas, quando imagens perturbadoras começam a surgir em suas lembranças e London precisa, de algum modo, escapar delas, fica claro que para entender o presente e o futuro ela terá que decifrar o que ficou esquecido no passado.

Sabe quando você está procurando um livro curto com uma história que, ao mesmo tempo em que se mostra interessante é bonitinha e fofinha? Foram justamente esses os motivos que me levaram a ler Deslembrança no fim de 2012. Embora o livro tenha cumprido bem o objetivo de ser uma leitura agradável para os meus curtos dias de férias, eu senti falta daqueles pequenos detalhes que diferenciam um livro do outro o tornando inesquecível.

A primeira impressão que o livro passa é que ele tipo uma adaptação literária do filme “Como se você a Primeira Vez”, mas conforme você vai se adiantando na leitura as sutis diferenças entre os dois, vão se mostrando. Deslembrança começa como mais um livro de romance adolescente em que, a personagem principal aparentemente sem graça cai de amores por um garoto recém-chegado ao colégio que é óbvio também cai de amores por ela. Até aqui o livro não traz nada muito diferente do que já conhecemos, porém o grande diferencial em Deslembrança é o enredo.

Toda noite, exatamente às 4h33min a mente de London Lane se apaga, fazendo com ela se esqueça de todas as suas lembranças do dia anterior. Mas o que até então parece ser uma coisa “normal” muda de contexto quando que por alguma razão estranha, não explicada no livro, ela consegue se lembrar de fatos que vão acontecer. Ou seja, London pode não se lembrar do que almoçou ontem, mas sabe o que vai almoçar amanhã. Isso em minha opinião deixou a narrativa muito confusa, além de passar uma imagem que a história tem algo de sobrenatural de plano de fundo, algo que logicamente não tem, ou se tem não foi suficientemente convincente.

A narrativa do livro é muito fluida o que faz com que a leitura seja fácil e bem rápida. London é uma personagem que foge bem dos estereótipos das mocinhas dos livros do gênero, o que foi uma grande surpresa em virtude do começo um pouco clichê que a história teve.  Todas as noites ela deixa bilhetes para sim mesma, dessa forma quando acorda, London consegue saber os acontecimentos que sua mente apagou. Muitos podem até achar bonitinho que por um longo tempo, o namoro de London com o irresistível Luke tenha sobrevivido através das anotações dela e das fotos do casal espalhadas por seu quarto, porém eu confesso que achei essa situação um tanto forçada. Tipo assim: "Você acorda sem nem ter a noção que você tem um namorado, lê o que deixou anotado para sim mesma na noite anterior, vê algumas fotos de vocês dois juntos, e pronto se apaixonada novamente." Ok. Luke é atencioso, carinhoso e lindo, mas mesmo assim eu ainda continuo achando isso um tanto sem nexo.

Até certo ponto a história consegue prender o leitor por que ela tem todo um clima típico de suspense, como várias perguntas que ficam pairando no ar como; o porquê em suas “visões” do futuro London não consegue ver Luke, algo que até então nunca tinha acontecido? Ou por que as suas lembranças começam a ficar tão perturbadoras desde que ele entrou na sua vida? Qual verdade tão dolorosa que a mãe de London esconde dela? E por que suas lembranças são apagadas todos os dias precisamente às 4h33min? Tenho que admitir que mesmo não gostando muito suspense, a busca por essas respostas não me deixavam desgrudar do livro, mas foi justamente ai que a autora deu não apenas um pequeno tropeço. Ela caiu e caiu bem feio.

Que eu gosto de autores objetivos que não ficam enrolando capítulos e capítulos para desenvolver a história, não é segredo para ninguém. Só que o problema de Cat Patrick é que ela foi objetiva demais, como se ao invés de tentar prolongar mais um pouco a história desenvolvendo e explorando todo o enredo da melhor forma possível, ela simplesmente achou conveniente dar meias respostas e pronto acabou o livro.

Tudo bem, as “meias” respostas dadas pela autora são até aceitáveis dentro do contexto geral da história, e uma meia resposta é sempre melhor do que resposta alguma. Mas a forma como os personagens resolvem essas questões são simplórias demais e deixam aquela sensação de vazio quando o livro acaba. Infelizmente nem mesmo o romance entre London e Luke foi suficientemente marcante para sustentar o bom ritmo do livro até o final também.  De verdade, chega até ser uma “judiação” com uma história que tinha tudo para ser incrível, ir perdendo todo seu brilho enquanto se aproximava das páginas finais. Foi muito triste, para não dizer decepcionante.

Bem, com uma história bonitinha e leve, Deslembrança é um livro que mesmo não surpreendendo consegue ser uma leitura agradável. A minha dica é não esperar muito dos momentos de ação e focar mais no romance da história do que no suspense em si, caso contrário você pode se decepcionar.


Instagram

© 2010 - 2021 Ariane Gisele Reis | My Dear Library • Divagações, Livros e Música. Tema desenvolvido com por Iunique - Temas.in