Sponsor

Mostrando postagens com marcador Sussurros do País das Maravilhas. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Sussurros do País das Maravilhas. Mostrar todas as postagens
março 06, 2017

Sussurros do País das Maravilhas por A.G. Howard

| Arquivado em: RESENHAS.

ISBN: 9788581634937
Editora: Novo Conceito
Ano de Lançamento: 2017
Número de páginas: 272
Classificação: Ótimo
Sinopse: Splintered - Livro 3.5
Alyssa Gardner entrou na toca do coelho para assumir o controle do seu destino. Ela sobreviveu à batalha pelo País das Maravilhas e pelo seu coração. No conto O Menino Na Teia, a mãe de Alyssa relembra o período em que viveu no País das Maravilhas e resgatou o homem que se tornaria seu marido e pai de sua filha. No A Mariposa No Espelho, conhecemos as lembranças de Morfeu, de quando ele mergulhou nas memórias de Jeb para descobrir os segredos dele e tentar ganhar, de uma vez por todas, o disputado coração de Alyssa. No Seis Coisas Impossíveis, Alyssa revive os momentos mais preciosos de sua vida após Qualquer outro lugar, e sobre o papel mágico que desempenhou para preservar a felicidade daqueles que ela ama. Neste livro você encontrará três contos de lembranças inéditas e inesquecíveis. Junte-se novamente aos personagens da série O Lado Mais Sombrio e embarque no fantástico mundo do País das Maravilhas.

Se despedir de personagens que aprendemos a amar é sempre difícil. Quando finalizei a leitura de Qualquer Outro Lugar meu coração ficou apertado por saber que ali se encerrava a história de Morfeu, Alyssa e Jeb. Mas para minha felicidade e todos os fãs da série Splintered, a autora A.G. Howard nos presenteou com três contos lindos, que nos levam novamente pelas paisagens caóticas e belas do País das Maravilhas.

Contém spoilers dos livros anteriores. Se não quiser colocar sua conta em risco pule seis parágrafos a partir de agora.

Em os Sussurros do País das Maravilhas, A.G. Howard preencheu as lacunas que os livros anteriores da trilogia haviam deixado, ao mesmo tempo em que nos apresentou fatos citados pela perspectiva de outros personagens. Algo que essa blogueira que vos escreve, sempre acha super válido em qualquer série, principalmente quando ela é narrada em primeira pessoa.

No primeiro conto O Menino Na Teia, conhecemos melhor o passado dos pais da Alyssa. Narrado pelo ponto de vista de sua mãe Alison, esse conto nos revela o passado triste e solitário da personagem. Através de O Menino Na Teia entendemos melhor algumas decisões que a Alison tomou no decorrer de sua vida, e acima de tudo vemos como o amor foi sua maior motivação a cada escolha feita.

A Mariposa No Espelho foi um conto originalmente lançando em e-book entre o primeiro e segundo livro, mas que eu não tinha lido ainda. Nele ao contrário do que se espera temos muito pouco de Morfeu () e muito de Jeb, o que não nego que foi um pouquinho "frustrante". Tipo eu amo o Jeb também, mas Morfeu é sem sombra de dúvidas o meu personagem favorito na trilogia.

Nesse conto Morfeu visita as memórias de Jeb na tentativa de encontrar um ponto fraco no rival. Porém ele só encontra bondade no rapaz. O mais interessante aqui foi reviver os acontecimentos de O Lado mais Sombrio pelos olhos de Jeb. Isso fez com que a minha admiração pelo personagem ficasse ainda maior. E sim não nego que nos primeiro livros eu tinha uma certa “birra” com ele, mas aos poucos Jeb foi provando seu valor e conquistando um espaço em meu coração.

Já o conto Seis Coisas Impossíveis vez meus olhos se encherem de lágrimas várias e várias vezes. Relatando os fatos que aconteceram após Qualquer Outro Lugar, aqui somos levados pelas lembranças de Alyssa, aos anos de felicidade e amor que ela compartilhou com Jeb. Depois que os anos da vida mortal da protagonista vão chegando ao fim, ela enfim volta para o País das Maravilhas, para o seu reino e principalmente para os braços de Morfeu.

E é justamente esse pequeno detalhe que torna a série Splintered tão maravilhosa e original. A.G. Howard construiu sua história de tal forma que todos tiveram a oportunidade de ter seu final feliz. Jeb que passou sua vida mortal inteira ao lado de sua amada, e Morfeu que anos depois foi recompensado por sua paciência reinando ao lado de Alyssa no País das Maravilhas.

Foi simplesmente lindo reencontrar com personagens que ao longo de três livros me fizeram sofrer e torcer por eles. Fiquei realmente emocionada ao ler Sussurros do País das Maravilhas, pois ele me deixou com aquele toque de saudades e uma nostalgia gostosa que me fez querer reler a trilogia novamente.

“E, caso você não tenha entendido, pense nisso: qualquer interpretação pode ser alterada simplesmente olhando-se para as coisas de outra forma, de ângulos mais coloridos ...”.

A.G. Howard deu aos fãs de sua série um presente lindo e delicado que ficará por muito tempo no coração de seus leitores. Se você ainda não leu a trilogia Splintered, sugiro que faça isso imediatamente ()!

Instagram

© 2010 - 2021 Blog My Dear Library | Ariane Gisele Reis • Livros, Música, Arte, Poesias e Sonhos. Tema desenvolvido com por Iunique - Temas.in