Sponsor

Mostrando postagens com marcador Simplesmente Acontece. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Simplesmente Acontece. Mostrar todas as postagens
20/03/2015

Filme - Simplesmente Acontece

| Arquivado em: Filmes e Séries.

Olá leitores, tudo bem com vocês?

Quem leu a minha resenha de Simplesmente Acontece da autora Cecelia Ahern, sabe o quanto eu gostei e me emocionei com a história de Alex e Rosie. Por esse motivo, a adaptação desse romance tão “gracinha” era um dos filmes mais esperados por mim nesse inicio de ano. E já posso adiantar que apesar de algumas mudanças, fiquei feliz com que assisti.
imagem: Divulgação
Na verdade eu não estava esperando ver na tela a mesma história que me encantou tanto no livro. Quem já leu Simplesmente Acontece, sabe que a formula com que o enredo foi desenvolvido funciona bem apenas nos livros. A adaptação precisa de um ritmo mais dinâmico para que a narrativa ganhe vida. Por esse motivo mesmo que a história tenha perdido um pouco do seu “charme”, que vinha em parte das longas passagens de tempo a essência em si foi mantida.
imagem: Divulgação
Lily Collins e Sam Claflin estão encantadores nos papéis de Rosie e Alex. Tipo não consigo pensar em autores melhores para interpretar esse casal tão fofo. Você vê os dois juntos e já se apaixona por eles. Sim, da mesma maneira que o livro é clichê o filme também é, e de forma alguma isso é ruim. Já comentei várias vezes isso aqui no blog. O problema não é você saber logo no começo como tudo vai terminar e sim o autor ficar inventando desculpas sem sentido para adiar o inevitável.
imagem: Divulgação
Talvez a grande diferença entre um e outro é que o filme tem como objetivo passar uma imagem totalmente romântica e “poética” da vida. Aqui a Rosie não enfrenta tantos problemas como no livro. A história é bem mais leve e até um tanta cômica quando a comparamos com a original. No livro acompanhamos cinquenta anos da vida de Rosie e Alex, no filme são apenas quinze, e mesmo isso não me “agradando” muito eu entendo que houve a necessidade de dar uma “resumida” na história dos dois.
imagem: Divulgação
Mas, tanto em um como no outro o que torna tudo tão mágico é o fato de que é a vida que está sendo retratada ali. A vida com seus altos e baixos, imprevistos e mudanças bruscas. A vida com nossas escolhas erradas, dias bons e outros nem tão bons assim. A única diferença é que na ficção você sabe que tudo vai terminar bem, e nós em nossas realidades nem sempre temos certeza disso.
imagem: Divulgação
•  Ficha Técnica:
Simplesmente Acontece.
Título Original: Love, Rosie.
Duração: 1h42min.
Gênero: Romance | Comédia.
Direção: Cristian DitterRoteiro e Juliette Towhidi.
Musica: Ralph Wengenmayr.
Produção: Robert Kulzer e Simon Brooks.
Elenco: Lily Collins (Rosie Dunne), Sam Claffin (Alex Stewart), Suki Waterhouse (Bethany), Tamsin Egerton (Sally), Christian Cooke (Greg), Jaime Winstone (Ruby), Lily Laight (Katie Dunne).




Sinopse: Os jovens britânicos Rosie (Lily Collins) e Alex (Sam Claflin) são amigos inseparáveis desde a infância, experimentando juntos as dificuldades amorosas, familiares e escolares. Embora exista uma atração entre eles, os dois mantêm a amizade acima de tudo. Um dia, Alex decide aceitar um convite para estudar medicina em Harvard, nos Estados Unidos. A distância entre eles faz com que nasçam os primeiros segredos, enquanto cada um encontra outros namorados e namoradas. Mas o destino continua atraindo Rosie e Alex um ao outro.

•  Trailer:
Simplesmente Acontece é um filme  doce e  despretensioso, com uma fotografia lindíssima e a trilha sonora que nos leva em uma deliciosa viagem pelo tempo. Fique emocionada em algumas cenas da mesma forma como me emocionei durante a leitura.

Mesmo que a primeira vista pareça que transformaram uma bela história em mais um romance no estilo “sessão da tarde”, eu ao menos posso afirmar que adorei o resultado final (). 

Beijos e até o próximo post;***

05/02/2015

Simplesmente Acontece por Cecelia Ahern

| Arquivado em: Resenhas.

Este livro foi enviado como
cortesia para resenha.
ISBN: 9788581635453
Editora: Novo Conceito
Ano de Lançamento: 2014
Número de páginas: 448
Classificação: Ótimo
Sinopse: O que acontece quando duas pessoas que foram feitas uma para outra simplesmente não conseguem ficar juntas? Todo mundo acha que Rosie e Alex nasceram para ser um casal. Todo mundo menos eles mesmos. Grandes amigos desde criança, eles se separaram na adolescência, quando Alex se mudou com sua família para os Estados Unidos. Os dois não conseguiram mais se encontrar, mas, através dos anos, a amizade foi mantida através de emails e cartas. Mesmo sofrendo com a distância, os dois aprenderam a viver um sem o outro. Só que o destino gosta de se divertir, e já mostrou que a história deles não termina assim, de maneira tão simples.

Confesso que após a leitura de P.S Eu te Amo da Cecelia Ahern ter sido digamos, uma leve decepção acabei ficando com receio de ler os demais livros da autora (me julguem). Porém, como senti meio que um certo amor à primeira vista quando assisti o trailer de Simplesmente Acontece, resolvi dar uma segunda chance para a autora. E não é que me surpreendi? Que história mais gracinha gente! Fiquei completamente apaixonada ().

Rosie Dunne e Alex Stewart são inseparáveis desde sempre. Porém quis a vida pregar uma peça nos dois, quando repentinamente o pai de Alex consegue o emprego dos sonhos forçando a família a se mudar para os Estados Unidos. Mas mesmo tendo um oceano entre eles, a amizade de Rosie e Alex se manteve forte, como se o fato de cada um morar em um país diferente fosse meramente um pequeno detalhe.

Através de cartas, emails e mensagens de textos cada um vai acompanhado os percalços da vida do outro. Rosie e Alex aprendem a lidar com a distância, pois eles contam com o apoio um do outro, - sempre ou quase sempre.  Só que existiam muitas coisas não ditas entre os dois, e conforme os anos se passavam coloca-las em voz alta ficava mais complicado. Conforme o tempo passa, eles finalmente entendem que coisas mais importantes de nossas vidas, não são ditas com palavras. Às vezes você precisa parar por alguns instantes e ouvir o silêncio.

Acredito que já deu para perceber que tenho um carinho especial por livros que são narrados através de cartas, emails e coisas do tipo. Por mais que a história não tenha diálogos propriamente ditos, quando o autor consegue trabalhar bem essa dinâmica de troca de mensagens a trama pelo menos em minha opinião fica mais especial. Em Simplesmente Acontece à autora Cecelia Ahern, consegue passar a cada novo email, carta ou uma simples mensagem todos os sentimentos de seus personagens.  Senti em vários momentos que aquelas mensagens eram destinadas a mim, por que algumas situações vividas tanto pela Rosie como pelo Alex são comuns e pessoais demais. Você pode até não se identificar com a história toda em si, mas em algumas passagens é impossível não ficar um pouco nostálgico.

Fazia muito tempo que não sentia tanta empatia por uma personagem, como eu senti pela Rosie. Só não marquei o livro como favorito por conta dos momentos de raiva que passei. Sério, sei que a vida nem sempre é “justa”, mas meu coração ficou partido várias vezes durante a leitura.  Chorei por tudo que dava errado e por tudo dava certo. Era como se eu tivesse em uma montanha russa de emoções. A cada novo capítulo, a cada nova mensagem era um sentimento novo.

Cecelia Ahern escreveu uma história tão linda, que quando finalizei a leitura fiquei me perguntando como será que a Rosie e o Alex estão hoje. Ficou um vazio sabe? Acompanhei cinquenta anos da vida deles, os conheço melhor do que algumas pessoas próximas e eles “partem” se ao mesmo me dizer um até logo (...). Ainda estou me recuperando dessa não despedida (suspiros).

“... espere pelo inesperado pelo menos uma vez. Talvez desta vez você não sofra um choque tão grande quando vir que as coisas não aconteceram do jeito que você esperava.”

Com personagens cativantes, Cecelia Ahern presenteia o leitor com uma história divertida e emocionante, que nos leva a refletir a importância de aproveitar cada oportunidade que temos na vida. Afinal, ela é uma sucessão de maus e bons momentos que, -“simplesmente acontecem”. Recomendo!

Instagram

© 2010 - 2021 Ariane Gisele Reis | My Dear Library • Divagações, Livros e Música. Tema desenvolvido com por Iunique - Temas.in